Tag: operação vostok (page 1 of 12)

Tribunal manda tirar do ar vídeo em que vereador chama Reinaldo de “bandido, canalha e corrupto”

Tiago Vargas tinha certeza que justiça estadual não seria contra a liberdade de expressão antes dos votos de Sérgio Martins e Divoncir Maran (Foto: Arquivo)

Pelo placar de 2 a 1, a 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul determinou a retirada do ar do vídeo em que o vereador Tiago Vargas (PSD) chama o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) de “bandido”, “corrupto” e “canalha”. A decisão vai contra o relator, desembargador Marcelo Câmara Rasslan, que foi contra o pedido do tucano por classificar como “censura”, prática comum na ditadura militar, o pedido para remover a gravação.

Ler mais

Interrogatório de filho de Reinaldo e de mais sete por roubo de propina de Polaco será no dia 6

Interrogatório do advogado Rodrigo Souza e Silva será no início de dezembro, quatro anos após o suposto roubo da propina de R$ 300 mil (Foto: Arquivo)

O interrogatório do advogado Rodrigo Souza e Silva, filho do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), vai ocorrer no próximo dia 6 de dezembro deste ano. Ele será ouvido junto com os outros sete réus pelo roubo da propina de R$ 300 mil do corretor de gado José Ricardo Guitti Guímaro, o Polaco, ocorrido em 27 de novembro de 2017, conforme despacho da juíza May Melke Amaral Penteado Siravegna, da 4ª Vara Criminal de Campo Grande, publicado nesta quarta-feira (10).

Ler mais

Governo de Reinaldo trabalha pela eleição de Bitto Pereira para presidente da OAB/MS

Vice-presidente da OAB, Gervásio Oliveira, diz que Governo trabalha pela eleição do candidato da situação (Foto: Thiago Mendes/Campo Grande News/Arquivo

O Governo de Reinaldo Azambuja (PSDB) está trabalhando em peso pela eleição do advogado Luís Cláudio Alves Pereira, o Bitto Pereira, para presidente da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de Mato Grosso do Sul). O tucano vem se mobilizando para impedir a eleição histórica de uma mulher no comando da entidade após três décadas. Em 42 anos, apenas uma advogada presidiu a entidade e foi no final dos anos 80.

Ler mais

Reinaldo alega “agenda” e evita ficar frente a frente com vereador que o chamou de corrupto

Governador agenda de Governo para não comparecer a audiência presencial no Fórum da Capital (Foto: Arquivo)

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) alegou “agenda institucional” para não ficar frente a frente com o vereador Tiago Vargas (PSD), que o chamou de “corrupto”, “bandido” e “canalha” em vídeo publicado nas redes sociais. A juíza Eucelia Moreira Cassal, da 3ª Vara Criminal, acatou o pedido do tucano e vai realizar a audiência de conciliação, prevista para a tarde desta sexta-feira (5), de forma virtual.

Ler mais

Polaco vira réu por não pagar R$ 1,6 milhão em impostos federais sobre propina paga pela JBS

Polaco virou réu por sonegação fiscal e vai pagar R$ 4,7 milhões com multa e juros (Foto: Arquivo)

O corretor de gado José Ricardo Guitti Guímaro, o Polaco, 47 anos, virou réu por sonegação fiscal por não recolher R$ 1,697 milhão em tributos federais sobre a propina supostamente paga pela JBS ao governador Reinaldo Azambuja (PSDB). A denúncia foi aceita no dia 5 do mês passado pela juíza substituta da 3ª Vara Federal de Campo Grande, Júlia Cavalcante Silva Barbosa.

Ler mais

Após manter bloqueio, próximo passo é STJ levar a julgamento denúncia contra Reinaldo

Governador vai ser o único a ir a julgamento no STJ (Foto: Chico Ribeiro/Divulgação)

Sem recurso por parte dos réus e do Ministério Público Federal, o próximo passo da Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça será analisar a Ação Penal 980 contra Reinaldo Azambuja (PSDB). O governador foi denunciado pelos crimes de corrupção passiva, chefiar organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Ler mais

Após 3 anos, STJ mantém, por unanimidade, bloqueio de R$ 277 milhões de Reinaldo e família

Governador teve mais uma derrota no STJ ao não conseguir suspender bloqueio dos bens da família decretado desde 2018 (Foto: Chico Ribeiro)

A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça negou, por unanimidade, agravo interno e manteve o bloqueio de R$ 277,541 milhões do governador Reinaldo Azambuja (PSDB). Em julgamento no início da tarde desta quarta-feira (15), os ministros mantiveram a indisponibilidade do patrimônio e contas bancárias da família do tucano, que havia sido decretada há três anos, em 12 de setembro de 2018, na Operação Vostok.

]

Ler mais

Vargas diz que tem imunidade para criticar e denúncia contra Reinaldo “corrupto” é pública

Reinaldo Azambuja posa com um jacaré, símbolo da Polícia Militar Ambiental. (Foto: Facebook)

Mais uma vez na mira do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), Tiago Henrique Vargas (PSD) alega imunidade parlamentar, intimidação e cita ministros do Supremo na ação em que o tucano tenta retirar vídeo da internet onde é chamado de “corrupto, bandido e canalha” pelo vereador mais votado em Campo Grande. Segundo Vargas, as investigações contra o tucano é de conhecimento geral.

Ler mais

Por unanimidade, TJ nega pedido de Capitão Contar e sepulta impeachment de Reinaldo

Com decisão da Justiça, Paulo Corrêa não será obrigado a submeter o pedido de impeachment de Reinaldo ao plenário (Foto: Arquivo)

O Órgão Especial do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul negou, na tarde desta quarta-feira (1º), por unanimidade mandado segurança cível do deputado estadual Capitão Contar (PSL) para retomar o pedido de impeachment do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) na Assembleia Legislativa. Com a decisão, a corte sepulta de vez qualquer chance de reavivar a discussão da denúncia de corrupção contra o tucano no legislativo.

Ler mais

Fischer renova licença médica e ação contra governador deve ganhar novo relator no STJ

O ministro Felix Fischer renovou a licença médica até o dia 29 de outubro deste ano e a Ação Penal 980, contra Reinaldo Azambuja (PSDB), deverá ganhar relator substituto no Superior Tribunal de Justiça. Desde de fevereiro deste ano, a Corte Especial tenta julgar pedido do Ministério Público Federal contra o desmembramento da denúncia e manter em Brasília o julgamento do governador, o filho, Rodrigo Souza e Silva, e outros réus pela suposta propina de R$ 67,791 milhões da JBS.

Ler mais
« Older posts

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑