A assessoria de imprensa do Procon de Mato Grosso do Sul não informa quantas, mas afirma que por “inúmeras” vezes, a agência do Bradesco localizada na avenida Afonso Pena, número 4.909, foi autuada por desrespeito ao consumidor. Desta vez, aponta o órgão, fiscais constataram diversas irregularidades, como a ausência de senhas e desrespeito à prioridade para clientes com limitações (idosos, gestantes, mães com crianças ao colo e pessoas com mobilidade reduzida).

PGR quer assegurar benefício a quem não sacou o auxílio emergencial

Cidadãos que não tiveram o dinheiro do auxílio emergencial devolvido por não terem efetuado o saque ou movimento, devem ter assegurado o benefício de R$ 600 após 90 dias. Esse é o entendimento da PGR (Procuradoria Geral da República), que levou o tema ao plenário do STF (Supremo Tribunal Federal). A defesa foi efetivada pelo procurador-geral da República, Augusto Aras.

Aras afirmou no plenário que, para ter assegurado o direito, o beneficiário deve ter o CPF inscrito e regular junto à Receita Federal. A exigência que consta no parecer sobre a ADI (Ação Direta de Inconstitucionalidade) n.º 6.409 proposta pelo Partido dos Trabalhadores.

O auxílio emergencial foi a medida tomada pelo governo brasileiro após imposição do Congresso Nacional para assegurar a renda de cidadãos atingidos pela quebra da economia provocada pela pandemia de covid-19. A estimativa é de que tenham sido depositados R$ 81 bilhões para 63,5 milhões de beneficiários, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Governo quer pagar Bolsa Família por meio do Cartão digital da Caixa

A transição do pagamento, que será feito pela poupança digital da Caixa Econômica Federal deve ocorrer até abril. A medida, contudo, não foi anunciada oficialmente pelo governo e foi confirmada por uma fonte anônima à agência Reuters. O objetivo seria reforçar a poupança como ativo da Caixa para a abertura de capital das operações digitais.

Veja mais:

Advogada devolve dinheiro e diz que usaram CPF para fazer três pedidos de auxílio emergencial

Só mudança no Código do Consumidor livra endividados no fim do auxílio emergencial

Auxílio emergencial foi pago desde aposentado rico, servidor público, foragidos e assassinos