No artigo “Lembra-te que és mortal, Véio da Havan”, o economista e ensaísta Albertino Ribeiro critica o comportamento do empresário Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan. Ele destaca que a geração de empregos não é um ato de filantropia, mas faz parte de um ciclo, em que trabalhadores e consumidores fazem a roda girar e a garantem o sucesso do empresário.

Ler mais