Tag: tre-ms (page 2 of 4)

Condenado a 21 anos, filho de juíza ganha, de novo, prisão domiciliar por causa da covid-19

O juiz Luiz Felipe Medeiros Vieira, da Vara de Execuções Penais do Interior, considerou a covid-19 para restabelecer a prisão domiciliar a Breno (Foto: Arquivo)

De volta ao comanda da Vara de Execuções Penais do Interior, o juiz Luiz Felipe Medeiros Vieira concedeu, de novo, a prisão domiciliar ao empresário Breno Fernando Solon Borges, condenado a 21 anos de prisão. O filho da desembargadora Tânia Garcia de Freitas Borges, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, havia retornado à prisão no dia 15 do mês passado.

Ler mais

Defesa apela ao excludente de ilicitude e à doença para anular sentença de filho de juíza

Preso desde o final de 2017, Breno tenta se livrar de segunda condenação para tentar a liberdade (Foto: Arquivo)

A defesa apelou ao excludente de ilicitude e à doença para tentar anular a sentença que condenou o empresário Breno Fernando Solon Borges, condenado a oito anos e dez meses em regime fechado por tráfico de drogas e munições. O caso virou escândalo nacional porque ele é filho da desembargadora Tânia Garcia de Freitas Borges, que presidia o Tribunal Regional Eleitoral na época da prisão.

Ler mais

Suspeitas de serem laranjas, candidatas são condenadas a devolver R$ 466 mil a fundo eleitoral

Gilsy Arce recebeu R$ 760 mil de fundo eleitoral e será obrigada a devolver R$ 316 mil. Até primos foram contratados como cabos eleitorais (Foto: Arquivo)

Sem votos e suspeitas de serem candidatas laranjas nas eleições de 2018, duas mulheres foram condenadas a devolver R$ 466 mil do Fundo Eleitoral. Com apenas 587 votos, elas receberam R$ 910 mil na campanha do ano passado. Outra candidata teve votos, mas não comprovou 83% do valor recebido.

Ler mais

Juíza não devolve à desembargadora carro de luxo usado para levar drogas e armas pelo filho

Inicialmente, veículo levava 51 dos 129 quilos apreendidos em 2017. Um ano depois, PF descobriu mais 10 quilos escondidos em outras partes (Foto: Arquivo)

A Justiça não devolveu o veículo de luxo, usado no tráfico de drogas e armas, à desembargadora Tânia Garcia de Freitas Borges, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul. Ela alegou ser a proprietária do Jeep Renegade em que o fiho, o empresário Breno Fernando Solon Borges, foi preso na madrugada do dia 8 de abril de 2017 na BR-262.

Ler mais

Juíza condena, pela 2ª vez, filho de desembargadora a oito anos e dez meses de prisão

Quase dois anos após a namorada ser condenada, Breno pega oito anos e dez meses de prisão por tráfico de drogas e munições de fuzil 762 (Foto: Arquivo)

Quase dois anos depois de condenar a namorada e o funcionário, a Justiça condenou o empresário Breno Fernando Solon Borges a oito anos e dez meses de prisão em regime fechado por tráfico de drogas e posse ilegal de munições. No entanto, na sentença de 27 páginas, a juíza Camila de Melo Mattioli Pereira, da Vara Única de Água Clara, não cita a primeira sentença, que o condenou a nove anos e seis meses por organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Ler mais

Com morosidade da Justiça, filho de juíza pode ir ao semiaberto a espera de duas sentenças

Como ainda não “teve a sorte” de ser julgado em dois processos, Breno cumpriu dois anos e pode ir para o semiaberto (Foto: Arquivo)

Graças à morosidade da Justiça sul-mato-grossense, o empresário Breno Fernando Solon Borges, 39 anos, pode obter progressão de pena antes de ser julgado pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas. Condenado a nove anos e seis meses por integrar organização criminosa, ele aguarda decisão da Justiça para deixar o Presídio de Segurança Média de Três Lagoas.

Ler mais

TRF3 suspende julgamento sobre propina da JBS e ação contra André pode ir à Justiça Eleitoral

Ex-governador consegue habeas corpus para trancar ação penal e suspender julgamento de ação em que é acusado de receber R$ 22,5 milhões em propinas da JBS (Foto: Arquivo)

O desembargador Paulo Fontes, do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, concedeu liminar para suspender a ação penal e livrar o ex-governador André Puccinelli (MDB) do primeiro julgamento na Operação Lama Asfáltica. A decisão dá esperança ao emedebista de que a denúncia do suposto pagamento de R$ 22,5 milhões em propinas pela JBS em troca de benefícios fiscais passe da 3ª Vara Federal de Campo Grande para a Justiça Eleitoral.

Ler mais

Desembargadora tentou suspender o 2º afastamento imposto pelo CNJ

Lewandowski negou pedido para desembargadora voltar às funções no Tribunal de Justiça (Foto: Arquivo)

A desembargadora Tânia Garcia de Freitas Borges recorreu contra o segundo afastamento imposto pelo CNJ (Conselho Nacional de Justiça), que abriu procedimento para apurar a venda de sentença no final do ano passado. No entanto, o pedido de liminar foi negado pelo ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal.

Ler mais

CNJ abre nova ação por corrupção e complica retorno de Tânia Borges ao Tribunal de Justiça

Corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, reiterou “reiterou a necessidade do afastamento da desembargadora, por colocar “em sério risco a integral apuração dos fatos, bem como a dignidade, a legitimidade e a credibilidade do Poder Judiciário” (Foto: Luiz Silveira/CNJ)

O CNJ (Conselho Nacional de Justiça) abriu novo Processo Administrativo Disciplinar por corrupção e suposta venda de sentença e complicou o retorno de Tânia Garcia de Freitas Borges à função de desembargadora do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul. Afastada do cargo desde 8 de outubro deste ano, mesmo com salário de R$ 45 mil por mês, ela tinha esperanças de reassumir a função de magistrada na próxima terça-feira. Ler mais

Filho de desembargadora só irá a julgamento por tráfico em setembro de 2019

Filho de desembargadora só vai ser julgado em setembro do próximo ano pelo crime que a namorada foi condenada em dezembro do ano passado (Foto: Arquivo)

Com a continuidade da ação penal liberada pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, o julgamento do empresário Breno Fernando Solon Borges, 39 anos, foi marcado somente para o dia 4 de setembro de 2019. Presos com ele em 8 de abril de 2017, a namorada e o funcionário da serralheria já foram condenados em dezembro do ano passado. Ler mais

« Older posts Newer posts »

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑