Rodrigo Souza e Silva, ao lado do pai, vira réu na Justiça acusado de ser o mandante do roubo de propina de R$ 270 mil em 2017 (Foto: Arquivo)

A 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul aceitou, por unanimidade, o recurso do Ministério Público Estadual contra o advogado Rodrigo Souza e Silva. Com a decisão, tomada na tarde de hoje (17), o filho do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) vira réu no processo em que é acusado de ser o mandante do roubo da propina destinada ao corretor de gado José Ricargo Guitti Guímaro, o Polaco.

Ler mais