Após uma década, TCE vai fazer inspeção para apurar prejuízos da polêmica e escandalosa obra do Aquário (Foto: Arquivo)

Passados 10 anos desde o início da construção e após uma sucessão de escândalos, o Tribunal de Contas do Estado concluiu que não houve irregularidade e aprovou a licitação do Aquário do Pantanal. Com a obra emperrada, por falta de interessados na conclusão dos serviços de suporte à vida, a corte vai fazer levantamento dos prejuízos no empreendimento e determinou que o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) a conclua sob pena de responsabilidade.

Ler mais