Tag: operação redime (page 1 of 2)

TJ mantém bloqueio de R$ 46 milhões de empresário por desvio milionário na saúde

TJMS manteve bloqueio de sócio de empresa réu por corrupção e peculato por desvios na saúde (Foto: Arquivo)

O juiz Waldir Marques, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, negou, na segunda-feira (9), o pedido de liminar para suspender o bloqueio de R$ 46 milhões de Rodolfo Pinheiro Holsback, dono do Grupo Holsback. O empresário é réu por peculato, corrupção passiva e ativa e fraude em licitações pelo suposto desvio na saúde.

Ler mais

Ré pelo desvio de R$ 46 mi na saúde, empresa já recebeu R$ 228 mi da gestão de Reinaldo

Gestão de Reinaldo ignorou investigação e denúncia e manteve repasses milionários para grupo acusado de desviar fortuna na saúde (Foto: Arquivo)

Denunciada por improbidade administrativa pelo suposto desvio de R$ 46 milhões da saúde, a Health Brasil Inteligência em Saúde teve ampliado em 8,2% o repasse neste ano pelo Governo do Estado. De acordo com o Portal da Transparência, desde o início da gestão de Reinaldo Azambuja (PSDB) em 2015, houve o repasse de R$ 228 milhões para a empresa.

Ler mais

Empresário e médico viram réus e sofrem bloqueio de R$ 46 mi por desvios na saúde

Rodolfo Pinheiro Holsback vai responder pelos crimes de corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e fraude em licitação (Foto: Arquivo)

A Justiça aceitou a denúncia contra o empresário Rodolfo Pinheiro Holsback e o médico Marcelo Henrique de Mello pelos crimes de corrupção passiva e ativa, fraude em licitações, associação criminosa, peculato, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro. Devido ao suposto desvio na saúde, eles ainda tiveram R$ 46,2 milhões bloqueados para garantir o ressarcimento dos cofres públicos.

Ler mais

Desembargador livra sócio e empresa de bloqueio de R$ 46 mi por desvios na saúde

Desembargador avaliou que não há necessidade de sequestro dos bens e contas de acusados de improbidade administrativa pelo desvio de R$ 46.050.051,60 dos cofres estaduais (Foto: Arquivo)

O desembargador Geraldo de Almeida Santiago, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, suspendeu, na sexta-feira (25), o sequestro de R$ 46 milhões da Health Brasil Inteligência em Saúde e do dono, Rodolfo Pinheiro Holsback. Eles são acusados de desviar esta fortuna por meio de contrato firmado com a Secretaria Estadual de Saúde, que foi investigado na Operação Redime, deflagrada em julho de 2020.

Ler mais

Apesar da nova lei, juiz bloqueia R$ 46 milhões de empresa e sócio por desvios na saúde

Empresa foi alvo da Operação Redime, que apurou o desvio de R$ 46.050.051,60 da área da saúde (Foto: Arquivo)

Apesar da nova lei de improbidade administrativa, o juiz David de Oliveira Gomes Filho, da 2ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, determinou o bloqueio de R$ 46,050 milhões da empresa Health Brasil Inteligência em Saúde (antiga HBR Medical), do sócio, Rodolfo Pinheiro Hoslback, e do espólio de Roberto de Barros Lavarda. Eles são acusados de superfaturamento e desvio de dinheiro por meio do programa Redime (Rede Digital de Imagens) e da Caravana da Saúde.

Ler mais

TJ negou liminar para trancar inquérito e impedir denúncia pelo desvio de R$ 46 mi na saúde

Desembargador Marcelo Rasslan negou pedido de empresário e da Health Brasil para trancar inquérito (Foto: Arquivo)

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul negou liminar em mandado de segurança para trancar o inquérito e impedir a denúncia por improbidade administrativa pelo desvio de R$ 46 milhões da saúde. A principal alegação foi o excesso de prazo na investigação. No entanto, o desembargador Marcelo Câmara Rasslan considerou a complexidade da investigação e o valor do contrato investigado, R$ 228 milhões.

Ler mais

MPE denuncia empresário por improbidade e pede R$ 138 milhões por desvios na saúde

Denúncia ocorreu um ano e meio após a operação ser deflagrada pelo MPE com aval da Justiça (Foto; Arquivo)

O Ministério Público Estadual denunciou empresa, sócios e um ex-assessor da Secretaria Estadual de Saúde por improbidade administrativa pelo desvio de R$ 46 milhões entre 2015 e 2021. Na ação protocolada no dia 18 deste mês na 2ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, a promotoria pede o pagamento de R$ 138,1 milhões, que inclui o ressarcimento do suposto prejuízo ao erário e multa civil equivalente a duas vezes o valor.

Ler mais

Operação Redime: MPE denuncia empresário e médico pelo desvio de R$ 46 milhões na saúde

Denúncia é a conclusão de operação deflagrada em julho do ano passado após investigação iniciada pela PF na Lama Asfáltica (Foto: Arquivo)

O Ministério Público Estadual denunciou um empresário e um médico pelo desvio de R$ 46 milhões na saúde entre 2015 e 2021. Conforme a ação penal protocolada na última quarta-feira (8) na 1ª Vara Criminal de Campo Grande, a promotoria pede a condenação pelos crimes de corrupção passiva e ativa, fraude em licitação, associação criminosa, lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e peculato.

Ler mais

Ex-gerente faz acordo para prestar serviços e se livra de inquérito por desvios na saúde

Ex-gerente vai pagar R$ 3,3 mil em 12 vezes para se livrar de investigação (Foto: Arquivo)

O ex-gerente administrativo e financeiro da Helth Medical Equipamentos Hospitalares, André Luiz Pires Ramos, firmou acordo com o Ministério Público Estadual para prestar serviços à comunidade em troca de ser excluído do inquérito que pura desvios milionários na saúde. Ele era investigado na Operação Redime, deflagrada no dia 1º de julho do ano passado, que apura os crimes de corrupção passiva e ativa, lavagem de dinheiro e fraude em licitação.

Ler mais

Empresário quer pagar R$ 10 mi para encerrar apuração de fraude e superfaturamento na saúde

Operação Redime foi deflagrada em 1º de julho do ano passado: acordo para encerrar inquérito está previsto na Lei Anticrimes (Foto: Arquivo)

O empresário Rodolfo Pinheiro Holsbach, de conglomerado de empresas, tenta acordo com o Ministério Público Estadual para sepultar a Operação Redime, que apura fraudes em licitação, superfaturamento e desvios na área de saúde. A proposta é pagar R$ 10 milhões. Os contratos firmados com a Secretaria Estadual de Saúde, alvos da investigação, somam mais de R$ 140 milhões.

Ler mais
« Older posts

© 2022 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑