Odacir, de camiseta branca, durante interrogatório feito por Odilon: ele recorreu à proposta de delação de Jedeão para tentar anular sentença (Foto: Arquivo)

Condenados por serem os barões do tráfico, os irmãos Corrêa apelaram à proposta de delação premiada de Jedeão de Oliveira, ex-assessor do juiz federal Odilon de Oliveira (PDT), para tentar anular a sentença. Os 14 integrantes da organização criminosa foram condenados a penas somadas de 223 anos de prisão por tráfico internacional de drogas, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. Ler mais