Tag: nivaldo tiago filho de souza

Marinha pode multar genro de deputada em até R$ 2,4 mil por acidente com morte no Miranda

Assessor do Governo com salário de R$ 15,8 mil, Nivaldo trabalha em cargo de comissão desde o início da gestão de Reinaldo (Foto: Arquivo)

Inquérito da Marinha do Brasil concluiu que o assessor da Secretaria Estadual de Governo e Gestão Estratégia, Nivaldo Thiago Filho de Sousa, estava embriagado e em alta velocidade e foi responsável pela morte do pescador Carlos Américo Duarte, o Carlão, 59, e por dois feridos. Pelo acidente, o genro da deputada estadual Mara Caseiro (PSDB) pode pagar multa de até R$ 2,4 mil e ter a habilitação, que ele não tem, suspensa por até 120 dias.

Ler mais

De “coração dilacerado”, Mara pede que “justiça prevaleça” sobre morte causada pelo genro

A deputada Mara Caseiro, líder de Reinaldo Azambuja no legislativo, durante sessão da última quinta-feira (Foto: ALMS/Divulgação)

Líder do Governo na Assembleia Legislativa, a deputada estadual Mara Caseiro (PSDB) lamentou, em nota oficial, o acidente causado pelo genro e assessor da Secretaria Estadual de Governo e Gestão Estratégica, Nivaldo Tiago Filho de Souza. “Todos nós estamos com os corações dilacerados”, garantiu a tucana, rogando misericórdia a Deus para que “a Justiça prevaleça”.

Ler mais

Genro de deputada chegou escoltado em delegacia: “só quero justiça”, diz filho de pescador

Caê Duarte e o pai minutos antes da tragédia causada pelo assessor do Governo do Estado (Foto: Repoprdução)

O assessor da Secretaria Estadual de Governo e Gestão Estratégica e genro da deputada estadual Mara Caseiro (PSDB), Nivaldo Tiago Filho de Souza chegou escoltado na delegacia de Polícia Civil de Miranda. “Ele chegou escoltado como se a gente fosse o bandido”, lamentou o representante comercial Caê Duarte, 33 anos, filho do pescador Carlos Américo Duarte, o Carlão, 59 anos, que morreu no acidente no início da tarde de sábado (1º).

Ler mais

Sem habilitação, assessor do Governo causa acidente de barco, mata um e fere dois em rio

Com salário de R$ 15,8 mil na Secretaria Estadual de Governo e Gestão Estratégica: Nivaldo causou morte e fugiu sem prestar socorro (Foto: Reprodução)

Sem habilitação para pilotar barco e supostamente embriagado, o assessor especial do Governo do Estado, Nivaldo Tiago Filho de Souza causou acidente no início da tarde de sábado (1º) na região do Touro Morto, no encontro dos rios Miranda e Aquidauana. Ao atropelar outra embarcação, ele causou a morte de Carlos Américo Dutra, o Carlão, 59 anos, e feriu outros dois homens.

Ler mais

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑