Tag: nelsinho trad (page 1 of 23)

TJ suspende bloqueio de R$ 94 mi de condenados por fraude e desvio na licitação do lixo

Solurb conseguiu suspender bloqueio mesmo depois de condenada em ação de improbidade que aponta corrupção, direcionamento em licitação e pagamento de propina na licitação da coleta do lixo (Foto: Arquivo)

Por 2 a 1, a 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul suspendeu o bloqueio de R$ 94,092 milhões dos condenados em ação de improbidade por corrupção, fraude em licitação e pagamento de propina na licitação da coleta do lixo de Campo Grande. O pedido foi feito pela Solurb, beneficiada pelo contrato bilionário e beneficiada pelo suposto esquema criminoso.

Ler mais

Escândalo Gisa: juiz nega recurso e devolve ação que cobra R$ 16 mi de Nelsinho e Mandetta

Ação que cobra a devolução de R$ 16 milhões de senador e ex-ministro à prefeitura vai ser encaminhada à 1ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos (Foto: Arquivo)

O juiz substituto Lucas Medeiros Gomes, da 4ª Vara Federal de Campo Grande, negou recurso de Nelsinho Trad (PSD) e manteve a devolução para a Justiça estadual da ação civil pública que cobra R$ 16 milhões. Além do senador, a Prefeitura de Campo Grande cobra o ressarcimento do ex-ministro da Saúde e presidenciável, Luiz Henrique Mandetta (DEM), do ex-secretário municipal de Saúde, Leandro Mazina, entre outros.

Ler mais

Com 17 ações na Justiça estadual, Nelsinho é o único a votar por lei de improbidade mais branda

Flávio Bolsonaro, envolvido no escândalo das rachadinhas, e Nelsinho votaram a favor da lei que dificulta o punição de agentes públicos por improbidade administrativa. Soraya foi a única de MS a votar contra o projeto (Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado)

O senador Nelsinho Trad (PSD) foi o único representante de Mato Grosso do Sul a votar a favor do texto-base do projeto de lei que flexibiliza a Lei de Improbidade Administrativa e que, na prática, dificulta a condenação dos agentes públicos. Apenas na Justiça estadual, o ex-prefeito de Campo Grande é réu em 17 ações por improbidade, sem considerar os processos na esfera federal.

Ler mais

MPE ganha “aval” do STJ para incluir multa e ampliar bloqueio de acusados de corrupção

MPE pediu bloqueio de R$ 140 milhões em processso por corrupção na obra do Aquário, mas valor caiu para R$ 10,7 milhões. (Foto: Arquivo)

O MPE (Ministério Público Estadual) agora conta com mais uma “arma” para ampliar bloqueios de valores de denunciados por corrupção em Mato Grosso do Sul. A Primeira Seção do STJ (Superior Tribunal de Justiça) decidiu que “é possível a inclusão do valor de eventual multa civil na medida de indisponibilidade de bens decretada na ação de improbidade administrativa”.

Ler mais

PSD reage a Bolsonaro e Nelsinho fará parte de comissão para discutir impeachment

Nelsinho e Kassab vão compor comissão para discutir impeachment de Bolsonaro; Fábio diz que já passou da hora de tomar uma medida contra o presidente (Foto: Arquivo)

O PSD, dono da 5ª maior bancada na Câmara dos Deputados e integrante da base aliada, reagiu às ameaças feitas por Jair Bolsonaro (sem partido), de que não cumprirá as determinações do Supremo Tribunal Federal, e vai discutir o apoio ao impeachment do presidente. Líder da sigla no Senado, o senador Nelsinho Trad vai integrar a comissão criada para discutir a destituição do capitão.

Ler mais

Nelsinho votou a favor 48h após anunciar ser contra fim do 13º e férias a trabalhadores jovens

Um político brasileiro: Nelsinho anunciou que é contra, mas acabou votando a favor da minirreforma trabalhista (Foto: Reprodução)

O senador Nelsinho Trad (PSD) votou a favor da MP 1045, conhecida como minirreforma trabalhista, 48 horas após anunciar, em vídeo, que era contra o fim do pagamento de 13º, férias e FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) aos trabalhadores jovens de 18 a 29 anos. “Foi uma facada nas costas dos trabalhadores”, afirmou Vilson Gimenes, presidente da CUT (Central Única dos Trabalhadores) em Mato Grosso do Sul.

Ler mais

Simone ajuda a enterrar MP que tirava férias e 13º dos jovens; Nelsinho e Soraya foram a favor

Nelsinho e Soraya votaram a favor do fim das férias, 13º e FGTS para jovens de 18 a 29 anos, mas proposta foi rejeitada pelo Senado (Foto: Arquivo)

Simone Tebet (MDB) foi a única a senadora de Mato Grosso do Sul que votou contra a MP 1045, conhecida como minirreforma trabalhista, que cria programas para contratar jovens de 18 a 29 anos sem o pagamento de direitos consagrados no Brasil, como férias remuneradas, 13º e FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço). A proposta teve o apoio dos senadores Nelsinho Trad (PSD) e Soaraya Thronicke (PSL).

Ler mais

Críticos de Bolsonaro, Simone e Fábio fazem parte pela 5ª vez dos “100 Cabeças do Congresso”

Simone ganha destaque nacional ao participar da CPI da Covid mesmo não sendo integrante da comissão (Foto: Arquivo)

Críticos ferrenhos do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), a senadora Simone Tebet (MDB) e o deputado federal Fábio Trad (PSD) integram pela 5ª vez consecutiva o selete clube dos parlamentares mais influentes do Brasil. A dupla faz parte da lista “Os 100 ‘Cabeças’ do Congresso”, elaborada pelo Diap (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar). O senador Nelsinho Trad (PSD) foi promovido ao seleto grupo pela primeira vez.

Ler mais

MPE vai ao STJ para retomar bloqueio de R$ 101,5 mi de Nelsinho por propina no lixo

Procurador pede que STJ restabeleça decisão de juiz de primeiro grau que mandou bloquear R$ 50,788 milhões para garantir o ressarcimento e mais o mesmo valor para multa civil (Foto: Arquivo)

O Ministério Público Estadual recorreu ao Superior Tribunal de Justiça para retomar o bloqueio de R$ 101,576 milhões do senador Nelsinho Trad (PSD), da Financial Construtora e do ex-secretário municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Marcos Antônio Cristaldo. O objetivo é retomar o sequestro da fortuna em ação de improbidade que os acusa pelos crimes de fraude em licitações e pagamento de R$ 50,788 milhões em propinas na licitação bilionária da coleta do lixo.

Ler mais

Nelsinho não segue exemplo do irmão e é campeão em gastos; Simone amplia uso de cota

Enquanto o irmão gastou apenas R$ 16 mil no primeiro semestre, Nelsinho Trad usou R$ 213 mil em sete meses da cota parlamentar e da verba com Correios (Foto: Arquivo)

Nelsinho Trad (PSD) não seguiu o bom exemplo do irmão e é o campeão em gastos entre os três senadores de Mato Grosso do Sul no primeiro semestre deste ano, conforme o Portal da Transparência do Senado. Com a pretensão de ser candidata a presidente da República em 2022, Simone Tebet (MDB) elevou a utilização da cota parlamentar. Soraya Thronicke (PSL) reduziu drasticamente o gasto em 2021.

Ler mais
« Older posts

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑