Tag: marcos alex

Ex-líder de Bernal vai ao ataque: paranoia, gabinete do ódio e extremismo

Alcides Bernal e Marcos Alex (centro) nos velhos tempos de parceria no poder. (Foto: Arquivo)

O tripé de sustentação do ex-prefeito Alcides Bernal (Progressista) sofreu mais uma baixa na fase de audiências da operação Coffee Break. Depois dos ex-vereadores Paulo Pedra e Luiza Ribeiro, foi a vez de Marcos Alex, que durante a cassação era líder do prefeito, protagonizar reviravolta. A tal ponto de a promotoria destacar que seis anos depois o politico parecia outra pessoa.

Ler mais

STJ manda MPF apurar envolvimento de Reinaldo em suposto roubo da propina de Polaco

Em plena campanha eleitoral, governador vira alvo de mais um inquérito no STJ (Foto: Divulgação)

O Ministério Público Federal vai apurar o envolvimento do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), candidato à reeleição, no suposto roubo da propina, de R$ 270 mil, destinada a José Ricardo Guitti Guímaro, o Polaco. O caso é investigado no inquérito 1.243, o terceiro aberto contra o tucano no STJ (Superior Tribunal de Justiça). Ler mais

Escândalo sem fim: 63% das obras do Aquário não eram previstas no contrato, conclui CGU

Gasto com estruturas metálicas foi o dobro do previsto e saltou de R$ 16,6 milhões para R$ 31,8 milhões (Foto: Arquivo)

Devassa da CGU (Controladoria Geral da União) alerta que o atual projeto do Aquário do Pantanal abre margem para “jogo de planilha” e superfaturamentos até a conclusão da obra. Auditores do órgão concluíram que 63% das obras e serviços executados não estavam previstos no projeto original, licitado na gestão de André Puccinelli (MDB). Ler mais

MPE recomenda que Governo demita irmão do presidente do TCE por ser “ficha suja”

Vanildo Neves e o presidente do TCE, conselheiro Waldir Neves: seria nepotismo cruzado? (Foto: Arquivo)

O Ministério Público Estadual recomendou a demissão do assessor especial da Segov (Secretaria Estadual de Governo e Relações Estratégicas), Vanildo Neves Barbosa, por ser “ficha suja”. Ele foi ex-vice-prefeito de Aquidauana e é irmão do presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Waldir Neves. Ler mais

Lama Asfáltica: juiz bloqueia de R$ 3,6 milhões de ex-deputado, esposa, filha e genro

Beto Mariano ficou 42 dias preso na Operação Fazendas de Lama e acabou solto após o STF conceder o habeas corpus a João Amorim, que acabou revogado na terça-feira (Foto: Arquivo)

A Justiça decretou a indisponibilidade de R$ 3,642 milhões da família do ex-deputado e fiscal de obras da Agesul, Wilson Roberto Mariano de Oliveira, o Beto Mariano, por suspeitas de enriquecimento ilícito e desvio de recursos por meio do esquema criminoso desvendado na Operação Lama Asfáltica. A família já é réu em ação penal pelo mesmo motivo na 3ª Vara Federal de Campo Grande. Ler mais

Conselho frustra manobra de “aliado” e põe “xerife” para apurar supostas fazendas de André

Depois de denunciar o ex-governador na Operação Coffee Break, Marcos Alex vai apurar as supostas fazendas do peemedebista

O Conselho Superior do Ministério Público frustrou a manobra do promotor Alexandre Pinto Capiberibe Saldanha para arquivar a investigação sobre as supostas fazendas do ex-governador André Puccinelli (PMDB). Agora, a denúncia, que ganhou força com provas coletadas nas fases da Operação Lama Asfáltica pela Polícia Federal, será apurada pelo promotor Marcos Alex Vera de Oliveira, conhecido como “xerife” do MPE. Ler mais

“Xerife” do MPE investiga secretário por acúmulo de empregos e “cargo fantasma” no HR

Marcos Alex, que ganhou fama de não se intimidar com as “autoridades”, vai apurar a mágica feita por secretário para estar em vários lugares ao mesmo tempo (Foto: O Estado MS)

A farra com o dinheiro público na saúde pública pode acabar em breve. O promotor Marcos Alex Vera, que ganhou fama como “xerife” do MPE (Ministério Público Estadual), está investigando o secretário municipal de Saúde, Marcelo Luiz Brandão Vilela, que acumula dois empregos e ainda foi recebeu R$ 22,6 mil por manter “cargo fantasma” no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul Rosa Pedrossian. Ler mais

Juiz bloqueia bens de deputado que pagou salário a “fantasma” por 4 anos

Lídio Lopes e a mulher, Adriane, vice-prefeita da Capital (Foto: Divulgação)

A Justiça Estadual bloqueou os bens do deputado estadual Lídio Lopes (PEN) para garantir o ressarcimento dos cofres públicos pelo pagamento de salários a uma funcionária fantasma. Enquanto a Assembleia Legislativa ignora as denúncias e não pune ninguém pela farra com o dinheiro público, o MPE (Ministério Público Estadual) comprova as irregularidades. Ler mais

© 2022 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑