Tag: marcos alex vera de oliveira (page 1 of 4)

Mulher de promotor que absolveu filho de Reinado tem cargo comissionado com salário de R$ 16 mil

Promotor Fábio Ianni Goldfinger não se manifestou sobre se havia suspeição entre conduzir processo contra filho do governador e a esposa ocupar cargo com salário de R$ 16 mil (Foto: Arquivo)

Esposa do promotor Fábio Ianni Goldfinger, Ana Paula Rezende de Oliveira Goldfinger ocupa cargo comissionado na administração de Reinaldo Azambuja (PSDB) desde maio de 2019 e ganha salário de R$ 16.039, conforme o Portal da Transparência. Funcionária de carreira da Secretaria Estadual de Saúde, ela teve aumento de 269% no subsídio ao assumir o cargo de coordenadora de Vigilância Epidemiológica.

Ler mais

Promotor negou ajuda de colegas e não viu lógica em filho de Reinaldo roubar a própria propina

Promotor Fábio Ianni Goldfinger dispensou ajuda de dois promotores que tinham assinado a denúncia contra o filho de Reinaldo junto com Marcos Alex (Foto: Arquivo)

Substituto de Marcos Alex Vera de Oliveira, conhecido como “xerife do MPE”, o promotor Fábio Ianni Goldfinger dispensou a ajuda de dois colegas na ação por roubo contra o advogado Rodrigo Souza e Silva. No parecer em que pediu a absolvição por falta de provas, ele destacou que não via “lógica” o filho de Reinaldo Azambuja (PSDB) encomendar o roubo da própria propina.

Ler mais

Substituto de “xerife” não recorre para manter condenação de engenheiro a devolver R$ 5,4 mi

Promotor Fábio Ianni Goldfinger não recorreu contra acórdão que anulou condenação de engenheiro que investiu R$ 1,8 milhão na compra de duas fazendas (Foto: Arquivo)

O promotor Fábio Ianni Goldfinger não recorreu contra o acórdão do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, que se baseou em “erros” para anular a condenação do engenheiro João Afif Jorge. Com a decisão da 1ª Câmara Cível, aprovada pelo placar de 4 a 1, ele vai enfrentar novo julgamento e ficará, por enquanto, livre de devolver R$ 5,494 milhões aos cofres públicos.

Ler mais

Interrogatório de filho de Reinaldo e de mais sete por roubo de propina de Polaco será no dia 6

Interrogatório do advogado Rodrigo Souza e Silva será no início de dezembro, quatro anos após o suposto roubo da propina de R$ 300 mil (Foto: Arquivo)

O interrogatório do advogado Rodrigo Souza e Silva, filho do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), vai ocorrer no próximo dia 6 de dezembro deste ano. Ele será ouvido junto com os outros sete réus pelo roubo da propina de R$ 300 mil do corretor de gado José Ricardo Guitti Guímaro, o Polaco, ocorrido em 27 de novembro de 2017, conforme despacho da juíza May Melke Amaral Penteado Siravegna, da 4ª Vara Criminal de Campo Grande, publicado nesta quarta-feira (10).

Ler mais

Ex-vereador volta a ser preso em ofensiva contra abuso sexual de crianças em Campo Grande

Richelieu de Carlo
Robson Martins é preso para cumprir pena por exploração sexual de menor de 18 anos (Foto: Wanderson Lara/MS Notícias)

O ex-vereador de Campo Grande Robson Leiria Martins foi um dos presos durante a Operação Araceli, deflagrada nesta terça-feira (18) para cumprir 27 mandados de prisão e de busca e apreensão contra condenados por crimes praticados contra crianças e adolescentes, a maioria por abuso e exploração sexual.

Ler mais

Conselho do MPE remove Marcos Alex e arquiva queixa de filho de tucano contra promotor

Promotor Marcos Alex se livra de queixa do filho de Reinaldo na mesma reunião em que foi aprovada sua remoção (Foto: Arquivo)

O Conselho Superior do Ministério Público aprovou, nesta quarta-feira (30), a remoção de Marcos Alex Vera de Oliveira, com fama de “xerife” no órgão, da 30ª Promotoria do Patrimônio Público. Em uma terrível coincidência da política sul-mato-grossense, no mesmo encontro, foi arquivada a queixa do advogado Rodrigo Souza e Silva, filho do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) contra o promotor.

Ler mais

Assessor de chefe do MPE substitui Marcos Alex e “xerife” deixa combate à corrupção

Após uma década, no Gaeco e no Patrimônio Público, promotor deixará as ações de combate à corrupção (Foto: Arquivo)

O promotor Marcos Alex Vera de Oliveira vai deixar as grandes ações de combate à corrupção em Mato Grosso do Sul. Famoso como “xerife” do Ministério Público, por não ter medo de enfrentar políticos e empresários poderosos, ele será substituído pelo promotor Fábio Ianni Goldfinger, assessor especial do procurador-geral de Justiça, Alexandre Magno Benites de Lacerda. A permuta será analisada pelo Conselho Superior do Ministério Público na próxima quarta-feira (30).

Ler mais

Com hospitais em colapso, MPE pede para juiz suspender gastos de Reinaldo com propaganda

Em crise, de novo, Santa Casa restringe atendimento e pacientes do trauma penam na espera por cirurgia (Foto: Divulgação)

O Governo do Estado deixou os hospitais a beira do colapso com o atraso nos repasses, mas mantém o gasto milionário com as agências de publicidade. Na esperança de melhorar o atendimento à população, o Ministério Público Estadual ingressou com pedido de tutela de urgência para a Justiça suspender o gasto milionário do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) com propaganda e destinar o dinheiro para a área de saúde.

Ler mais

Acusados de “golpe” sentam no banco dos réus seis anos após cassar mandato de Bernal

Seis anos após a cassação de Bernal, juiz inicia interrogatório dos réus na Coffee Break (Foto: Arquivo)

Seis anos após a cassação do mandato do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (Progressistas), ocorrida na madrugada de 13 de março de 2014, a Justiça inicia, nesta segunda-feira (16), o histórico julgamento dos acusados de tramar o golpe. A Operação Coffee Break vai colocar no banco dos réus ex-governador do Estado por dois mandatos, senador da República, secretário estadual, presidente da Câmara de Campo Grande, quatro vereadores, dono de jornal e dois empresários poderosíssimos e milionários.

Ler mais

Reinaldo amplia em 12 vagas concurso para contratar mil que só teve 73 professores aprovados

Governador ampliou em 12 vagas para concurso que deveria contratar mil, mas só teve 73 aprovados (Foto: Chico Ribeiro)

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) nomeou, nesta segunda-feira (20), os aprovados no polêmico concurso do magistério, realizado em dezembro de 2018. Além da nomeação dos professores, o tucano ampliou em 12 a quantidade de vagas no certame, que foi aberto para contratar mil docentes, mas só 73 foram aprovados em todas as fases e serão contratados. (veja o Diário Oficial de hoje)

Ler mais
« Older posts

© 2022 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑