Tag: hospital do câncer alfredo abrão

Ex-tesoureiro é condenado a prestação de serviços por desviar R$ 10 mil do Hospital do Câncer

Ex-tesoureiro do HC foi condenado a um ano e quatro meses no aberto por desvio (Foto: Arquivo)

O ex-tesoureiro do Hospital do Câncer Alfredo Abrão, Márcio Ricardo Coutinho, foi condenado a prestação de serviços por um ano e quatro meses e ao pagamento de um salário mínimo pelo desvio de R$ 10 mil da instituição. Em sentença publicada nesta quinta-feira (12), a juíza May Melke Amaral Penteado Siravegna, da 4ª Vara Criminal de Campo Grande, desqualificou a denúncia de peculato, que previa pena de até 12 anos de prisão, e o condenou pelo crime de apropriação indébita majorada.

Ler mais

Filha de Siufi usou nota falsa de pintura para tirar R$ 10 mil do Hospital do Câncer, diz MPF

Betina Siufi pegou R$ 10 mil ao simular serviço de pintura que não existiu, segundo procuradoria (Foto: Arquivo)

A ex-administradora do Hospital do Câncer Alfredo Abrão, Betina Moraes Siufi Hilgert, usou nota fiscal frisa para desviar R$ 10 mil da instituição em 2013. Esta é uma das denúncias decorrente da Operação Sangue Frio, deflagrada há oito anos, e que acabou sendo transferida após cinco anos da 5ª Vara Federal para a Justiça estadual.

Ler mais

Tribunal absolve médica e dá pito em promotor por denúncia contra filha de Adalberto Siufi

Desembargador Dorival Renato Pavan diz que não há indício de improbidade nem enriquecimento ilícito contra médica Rafaela Moraes Siufi Silva (Foto: Arquivo)

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul determinou o arquivamento da ação de improbidade administrativa contra a médica Rafaela Moraes Siufi Silva, acusada de receber da prefeitura da Capital para prestar serviço pela própria empresa no Hospital do Câncer Alfredo Abraão. Além de absolve-la, o desembargador Dorival Renato Pavan, relator, deu “pito” no Ministério Público pela denúncia contra a filha do médico Adalberto Siufi, alvo da Operação Sangue Frio, da Polícia Federal no início de 2013.

Ler mais

Espera de paciente com câncer chega a 247 dias e atendimento vira “loteria” na Capital

Drama dos pacientes com câncer na Capital: demora no atendimento supera tempo previsto em lei e fila por cirurgia tem mais de mil (Foto: Arquivo)

Relatório da CGU (Controladoria-Geral da União) mostra a agonia dos pacientes com câncer em Campo Grande. A fila de espera por consulta conta 4,4 mil doentes e a espera por cirurgia chega demorar até 247 dias – quatro vezes acima do previsto em lei. Falha no processo regulatório permite a autorização de procedimentos para pacientes fora da fila de espera, o que o transforma em loteria para quem precisa de quimioterapia ou radioterapia. Ler mais

Dinheiro desviado por “máfia” poderia concluir hospital e melhorar tratamento do câncer

Siufi luta na Justiça para não devolver dinheiro supostamente desviado de hospital (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

Há quatro anos, o MPF (Ministério Público Federal) tenta reaver na Justiça a fortuna desviada por uma organização criminosa do Hospital do Câncer Alfredo Abrão, em Campo Grande. Conclusão da Operação “Sangue Frio” apontou que foram desviados R$ 27 milhões da instituição, dinheiro suficiente para concluir  a obra de ampliação da unidade, orçada em R$ 28 milhões. Ler mais

© 2022 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑