Tag: gestão tucana (page 1 of 4)

Salomão transforma Procon em “Gaeco” do consumidor e vira terror dos maus empresários

Richelieu de Carlo Pereira
Nomeado em meio a polêmica sobre nepotismo, Marcelo Salomão tornou Procon mais ativo na defesa do consumidor (Foto: Divulgação)

O Procon de Mato Grosso do Sul tem se notabilizado pelas fiscalizações constantes em estabelecimentos no Estado, com média superior a uma diligência por dia. Os agentes do órgão se tornaram o terror das empresas que descumprem os direitos do consumidor, principalmente no comércio, supermercados, postos de combustível e bancos. As operações englobam até forças-tarefas com outros órgãos de fiscalização. Uma das investigações chegou a culminar em ameaça ao superintendente do Procon-MS.

Ler mais

Livre de denúncias, Sérgio de Paula reassume Casa Civil e tira poder de chefe do Podemos

Sérgio de Paula volta ao primeiro escalão com a missão de dar musculatura ao PSDB nas eleições de 2022 (Foto: Arquivo)

Livre de duas ações por improbidade administrativa, o presidente regional do PSDB, Sérgio de Paula, reassume, após quatro anos, o cargo de chefe da Casa Civil e vai dividir a articulação política do Governo do Estado com o dirigente regional do Podemos, Sérgio Murilo. Para abrir a vaga de vereador para Ademir Santana (PSDB), réu por extorsão armada junto com Jamil Name e Jamil Name Filho, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) ainda criou a Secretaria de Cidadania e Cultura para acomodar o João César Matto Grosso Pereira.

Ler mais

Reinaldo aproveita pandemia e substitui Vale Renda por cartão de débito do Mais Social

Paulo Corrêa acompanhou a apresentação do novo programa aos deputados estaduais na manhã de hoje (Foto: Chico Ribeiro/Divulgação)

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) aproveitou a pandemia da covid-19 para substituir o programa Vale Renda, criado pelo antecessor, ex-governador André Puccinelli (MDB), pelo Mais Social. O Governo do Estado pretende pagar R$ 200 para cada família. A principal mudança é que o beneficiário passará a receber cartão de débito para comprar alimentos e artigos de higiene nos locais cadastrados. Atualmente, o pagamento é R$ 180 em dinheiro.

Ler mais

Gestão tucana pagou R$ 1,2 milhão, 37% mais caro por camas hospitalares sem uso

O Governo do Estado preferiu a 3ª classificada na licitação e pagou R$ 1,280 milhão pelos leitos hospitalares, valor 37,52% mais caro em relação ao preço da 2ª colocada no certame. As 200 camas, que custaram uma fortuna e deveriam ser usadas para receber os pacientes com covid-19, estão estocadas no Centro de Convenções Albano Franco.

Ler mais

Vídeo com leitos empoeirados viraliza como mau exemplo do governador no combate à covid

Governo diz que informação é falsa, mas confirma que as camas foram adquiridas para o hospital de campanha, que também não funcionou (Foto: Reprodução)

Um vídeo sobre os leitos estocados pelo Governo do Estado no Centro de Convenções Albano Franco viralizou como mau exemplo de combate à pandemia da covid-19 pelo governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB). Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde não só confirmou a informação, como revelou que as camas foram compradas para serem usadas no hospital de campanha, que também custou uma fortuna, mas não funcionou no ano passado.

Ler mais

Em plena pandemia, gestão tucana eleva em 48% protesto de devedores de IPVA em cartório

Veículo é guinchado durante blitz: quem não paga IPVA, que ficou mais caro na gestão Reinaldo, também é protestado em cartório (Foto: Arquivo)

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) não se limitou a elevar em 40% o valor e ampliar em cinco anos a cobrança do IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotor). O Governo estadual também elevou a pressão para obrigar o contribuinte a pagar o tributo. Em plena pandemia, houve aumento de 48,9% no número de protestos em cartórios de devedores do IPVA.

Ler mais

Governo apela à Justiça para eliminar empresa da Capital de licitação de projeto milionário

Agesul recorreu contra decisão de juiz que mandou incluir empresa da Capital em licitação (Foto: Arquivo)

O Governo do Estado recorreu ao Tribunal de Justiça para eliminar uma empresa de Campo Grande e dar o contrato ao grupo de Curitiba (PR) em licitação milionária realizada pela Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos). A guerra é pelo projeto de pavimentação de 74,8 quilômetros da MS-245, entre Bandeirantes e Ribas do Rio Pardo.

Ler mais

Fundersul bate recorde, mas buracos viram pesadelo e causam até morte nas rodovias estaduais

MS-436 está tomada por buracos e põe vida dos motoristas em risco (Foto: O Jacaré)

A arrecadação do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento Rodoviário) bateu recorde no ano passado após o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) elevar em até 71% nas alíquotas cobradas dos produtos rurais. No entanto, os sul-mato-grossenses não estão vendo o retorno, já que as rodovias estaduais estão sem manutenção, abandonadas e tomadas por buracos, que vem causando acidentes e até morte.

Ler mais

Governo é condenado a pagar R$ 10 mil a policial por perseguição moral da gestão de Reinaldo

Mônaco preside a AME desde 2009, mas só passou a responder sindicância na gestão de Reinaldo (Foto: Arquivo)

O Governo do Estado vai pagar indenização de R$ 10 mil por perseguição moral promovida pela gestão de Reinaldo Azambuja (PSDB) contra o tenente aposentado Thiago Mônaco Marques, presidente da Associação dos Militares Estaduais de Mato Grosso do Sul. A sentença da juíza leiga Thamara do Prado Silva, do Juizado Especial de Fazenda Pública, foi publicada no dia 27 do mês passado. É a primeira derrota do tucano na tática de perseguição contra os críticos.

Ler mais

Salvos da 1ª denúncia, seis viram réus por fraude e desvio de R$ 6,3 milhões do HR

Desvios ocorreram no HR, que passou a ser referência no combate ao coronavírus e precisou de doações de EPIs aos funcionários (Foto: O Jacaré)

Inocentadas da primeira denúncia de terem desviados R$ 2,815 milhões, seis pessoas e duas empresas viraram réus por improbidade administrativa na segunda denúncia decorrente da Operação Reagente. Eles são acusados de desviar R$ 6,314 milhões do Hospital Regional de Mato Grosso do Sul Rosa Pedrossian.

Ler mais
« Older posts

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑