Tag: fahd jamil (page 1 of 3)

IMOL fará nova perícia para avaliar se Rei da Fronteira volta para a cadeia ou continua em casa

Juiz aguarda perícia para decidir se mantém empresário em casa ou determina o retorno à cadeia (Foto; Arquivo)

O IMOL (Instituto Médico Legal) vai realizar nova perícia para avaliar se o poderosíssimo empresário Fahd Jamil, acusado de chefiar um grupo de extermínio na fronteira, permanecerá em prisão domiciliar. A determinação é do juiz Roberto Ferreira Filho, da 1ª Vara Criminal de Campo Grande. O Rei da Fronteira teve o direito de ficar detido em casa em maio deste ano e o benefício valia por 180 dias.

Ler mais

Réu por apoiar grupos de extermínio, investigador é promovido à classe especial

Operação Omertà prendeu policial, que foi promovido à classe especial nesta sexta, em junho do ano passado (Foto: Arquivo)

Por determinação do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, o Governo do Estado foi obrigado a promover o investigador Célio Rodrigues Monteiro, o “Manga Rosa”, de 1ª para classe especial da Polícia Civil. Ele foi preso na Operação Omertà, deflagrada pelo Garras e Gaeco, e virou réu por ajudar os supostos grupos de extermínio comandados pelos empresários Jamil Name (morto), Jamil Name Filho, Fahd Jamil e Flávio Georges Corrêa, o Flavinho.

Ler mais

MPE pede que Fahd vá a júri por homicídio e é contra ouvir Peró de novo sobre morte de Danielito

Em prisão domiciliar, Fahd Jamil pode ir ao primeiro júri popular por homicídio (Foto: Arquivo)

O Ministério Público deu parecer para que o empresário Fahd Jamil vá a júri popular pelo assassinato do chefe da segurança Assembleia Legislativa, Ilson Martins Figueiredo. Por outro lado, os promotores são contra novo depoimento do titular do Garras, delegado Fábio Peró, para esclarecer o suposto envolvimento de Jamil Name com o desaparecimento do Daniel Alvarez Georges, o Danielito, filho do Rei da Fronteira, ocorrido em 2011.

Ler mais

Rei da Fronteira quer acesso às provas de que compadre Jamil Name mandou matar o filho

Jamil Name, Jamilzinho e Fahd Jamil em coluna social. (Foto: Arquivo)

Fahd Jamil, conhecido como Rei da Fronteira, pede à Justiça que delegados da operação Omertà sejam ouvidos para esclarecerem se há ligação entre o desaparecimento do seu filho Danielito, declarado morto após dez anos de sumiço, e o compadre, Jamil Name, acusado de liderar organização criminosa e que morreu em junho por complicações da covid.

Ler mais

Residindo a 50 metros da praia, acusado de ser pistoleiro de Fahd Jamil morre em confronto em SC

Thyago vivia em apartamento na praia dos Ingleses, uma das mais famosas de Florianópolis (Foto: Reprodução O Jacaré)

Réu por integrar a organização criminosa e de ser o pistoleiro do empresário Fahd Jamil, o rei da fronteira, Thyago Machado Abdul Ahad estava foragido há um ano e residia a 50 metros da Praia dos Ingleses, área nobre de Florianópolis (SC). Na manhã desta sexta-feira, ele morreu em confronto com a Polícia Civil de Santa Catarina.

Ler mais

Com renda anual de R$ 2 milhões, “Rei da Fronteira” vai cumprir prisão domiciliar na Capital

Batalhão de Choque escoltou empresário durante cirurgia em hospital particular da Capital devido ao risco de ataque do PCC (Foto: Henrique Kawaminami/CAMPO GRANDE NEWS)

O juiz Roberto Ferreira Filho, da 1ª Vara Criminal de Campo Grande, acatou pedido da defesa e concedeu prisão domiciliar ao empresário Fahd Jamil, 79 anos, mediante monitoramento eletrônico e fiança de R$ 990 mil. Com graves problemas de saúde e acusado de chefiar grupo de extermínio e com renda anual de R$ 2 milhões, o “Rei da Fronteira” vai entregar o passaporte, ser obrigado a morar no Centro da Capital e não poderá manter contato com réus e testemunhas na Operação Omertà.

Ler mais

Perito conclui que Fahd Jamil não tem condições de saúde para permanecer em presídio

Lenda na fronteira, Fahd Jamil estaria bastante debilitado e não deve continuarem presídio, conforme perito (Foto: Arquivo)

A perícia do IMOL (Instituto Médico e Odontológico Legal) concluiu que o empresário Fahd Jamil, 79 anos, não tem condições para permanecer em um presídio. Preso desde 19 de abril deste ano, o Rei da Fronteira precisa de tratamento multidisciplinar. O relatório será base para o juiz Roberto Ferreira Filho, da 1ª Vara Criminal de Campo Grande, decidir se acata o pedido da defesa para converter a prisão preventiva em domiciliar.

Ler mais

Juíza exclui Jamil Name e marca julgamento de conselheiro do TCE por organização criminosa

Jerson Domingos nega integrar organização criminosa e atribui envolvendo ao parentesco com Jamil Name por causa da irmã, Tereza Name (Foto: Arquivo/André de Abreu)

A juíza Eucelia Moreira Cassal, em substituição na 1ª Vara Criminal, marcou o julgamento dos acusados de integrar as organizações criminosas supostamente chefiadas pelos empresários Fahd Jamil, o rei da fronteira, e Jamil Name. O ex-presidente da Assembleia Legislativa e conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, Jerson Domingos, também vai sentar no banco dos réus em decorrência da Operação Armagedon, denominação da 3ª fase da Omertà.

Ler mais

“Rei da Fronteira” vira réu por execuções de policial civil e pistoleiro para vingar filho

Richelieu de Carlo
Fahd ao lado do afilhado, Jamilzinho, e do compaadre, Jamil Name (Foto: Arquivo)

A Justiça de Mato Grosso do Sul decidiu tornar réu o empresário Fahd Jamil, conhecido como “Rei da Fronteira”, no processo pela morte do policial civil Anderson Celin Gonçalves da Silva, 36 anos, e do pistoleiro Alberto Aparecido Roberto Nogueira, 55, o Betão. O crime ocorreu em abril de 2016. Os corpos de ambos foram encontrados em uma caminhonete Hilux, na região do lixão de Bela Vista, saída para Caracol. Para a acusação, Fahd mandou matar os dois para vingar a morte do filho Daniel Georges.

Ler mais

Com enfermeira 24h, Fahd vai completar um mês na cadeia e sentar pela 1ª vez no banco dos réus

Fahd Jamil respira com ajuda de oxigênio e conta com profissional de enfermagem 24h por dia na cela do Garras (Foto: Arquivo)

Acompanhado por profissional de enfermagem 24 horas, o poderosíssimo empresário Fahd Jamil, conhecido como rei da fronteira, deve completar um mês na cadeia. Acusado de chefiar um grupo de extermínio na fronteira, ele se entregou no dia 19 do mês passado e aguarda a realização de exames para ter o pedido de prisão domiciliar ser analisado pelo juiz Roberto Ferreira Filho, da 1ª Vara Criminal de Campo Grande.

Ler mais
« Older posts

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑