Tag: eduardo cunha (page 1 of 2)

Cargo no MDB e falta de experiência levaram magistrado do TRF4 a vetar Marun na Itaipu

Marun alegou que Itaipu está tendo prejuízo com a manutenção da sua exoneração do cargo de conselheiro: vale tudo pelo salário de R$ 27 mil (Foto: Arquivo)

A falta de experiência exigida na Lei das Estatais e o cargo de dirigente do MDB levaram o desembargador Rogério Fraveto, a votar pela exoneração do ex-ministro Carlos Marun do Conselho de Administração da Itaipu Binacional. Na terça-feira (3), a 3ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre (RS), deve concluir o julgamento e decidir sobre a manutenção do emedebista no emprego dos sonhos – salário de R$ 27 mil por mês para participar de uma reunião a cada 60 dias.

Ler mais

Após 1 a 1, retorno de Marun ao cargo dos sonhos na Itaipu depende de desembargadora

Marun está a um voto no TRF4 de recuperar mamata na Itaipu: 27 salários mínimos por mês para participar de uma reunião a cada 60 dias (Foto: Arquivo)

O julgamento do agravo de instrumento contra a nomeação do ex-ministro Carlos Marun (MDB) para o cargo de conselheiro da Itaipu Binancional terminou empatado em um a um na tarde de hoje (20) na 3ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre. Agora, o retorno do emedebista ao emprego dos sonhos, com salário de R$ 27 mil para participar de uma reunião a cada dois meses, vai depender da presidente da turma, a desembargadora Vânia Hack de Almeida, que pediu vistas.

Ler mais

Investigado no STF, Marun articula para assumir cargo com salário de R$ 32 mil no CNMP

Marun conta com o apoio de Temer para assumir vaga de ex-advogado de Cunha no Conselho Nacional do Ministério Público (Foto: Arquivo)

Investigado por suposta fraude na emissão de registros sindicais, o ministro Carlos Marun, da Secretaria de Governo, articula a sua indicação para o cargo de conselheiro do CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público). Sem mandato a partir de 2019, o principal defensor do presidente Michel Temer (MDB) quer garantir o salário mensal de R$ 32.074,85. Ler mais

Fux acha crítica ácida, mas livra Marun de inquérito por chantagem contra ministro do STF

Carlos Marun não será investigado por ameaçar ministro do STF (Foto: Agência Brasil)

O ministro Carlos Marun, da Secretaria de Governo, livrou-se de inquérito criminal pela ameaça feita contra o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal. A denúncia foi arquivada nesta semana pelo ministro Luiz Fux, relator da petição feita pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede). Ler mais

Como na ditadura, Carlos Marun manda Polícia Federal abrir inquérito contra O Jacaré

Ministro da Secretaria de Governo não aceita críticas e tenta usar o aparelho estatal contra os adversários, seja um simples jornalista de MS até o ministro do STF, mais alta corte do Pais (Foto: Arquivo)

O ministro Carlos Marun, secretário de Governo de Michel Temer (MDB), acionou a Polícia Federal para abrir inquérito contra o site O Jacaré. Incomodado com as críticas, um dos principais defensores da cúpula do MDB, o deputado federal licenciado repete atos da ditadura militar, quando jornalistas eram levados à PF para explicar reportagens jornalísticas. Ler mais

Marun faz chantagem com STF para livrar Temer, “o santo”, e se prepara para disputar eleição

Fanfarrão, daqueles que fala de tudo e não está nem para o povo, Marun vai para o ofensiva para salvar Temer de nova investigação (Foto O Globo)

Totalmente sem escrúpulos e debochado, Carlos Marun, o ministro da Secretaria de Governo que faz o sul-mato-grossense de bem passar vergonha, decidiu fazer chantagem com o STF (Supremo Tribunal Federal) para livrar o amigo Michel Temer (MDB) de nova investigação. Ele deve reassumir o mandato de deputado federal para propor o impeachment do ministro Luís Roberto Barroso e, de quebra, ter condições de disputar a reeleição. Ler mais

Defensor de corruptos e sem pudor, Marun não é motivo de orgulho só porque virou ministro

Ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, e o presidente Michel Temer durante cerimônia, no Palácio do Planalto,só felicidade (Valter Campanato/Agência Brasil)

O deputado federal Carlos Marun (PMDB) ganhou a fama nacional ao assumir a defesa de corruptos notórios e ao não ter nenhum pudor em tentar impor as vontades do seu grupo político. Ele não virou motivo de orgulho para Mato Grosso do Sul somente porque virou ministro, como seus correligionários tentam nos fazer crer. Pelo contrário, continua sendo motivo da sociedade decente passar vergonha. Ler mais

Cunha mantinha bancada mediante mesada e propina, mas Marun era fiel só por “amor”, diz delator

Deputado federal foi fiel ao ex-presidente da Câmara na felicidade e na tristeza, no comando do legislativo e na cadeia

O ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB),  preso e condenado a 14 anos por corrupção, mantinha uma bancada própria de parlamentares mediante o pagamento de propina e mesada. No entanto, o seu principal defensor no legislativo, Carlos Marun (PMDB), só lhe foi fiel porque ganhou um “estofo”, gíria para agrado ou gorjeta simbólica , para ser um deputado mais atuante. Ler mais

Investigado pela PF por criar fakes, deputado faz campanha contra mentiras na internet

Investigado pela Polícia Federal por criar perfis falsos na rede social para atacar adversários, o deputado federal Carlos Marun (PMDB) lançou, na semana passada, campanha contra a propagação de mentiras pela internet. É surreal, mas isso vem ocorrendo em Mato Grosso do Sul. Ler mais

Da cadeia, Cunha mantém poder e não é o primeiro bandido a reinar atrás das grades

O Brasil produz cenas grotescas, que, na maioria das vezes, a gente fica até com vergonha de comentar. Esta história do poder de Eduardo Cunha (PMDB), preso desde outubro do ano passado, é uma delas. Mesmo na cadeia e sob as barbas do famoso juiz Sérgio Moro, ele tem força para derrubar e nomear ministros, indicar o líder do Governo no Congresso Nacional e abrir guerra no PMDB, partido do presidente Michel Temer. Ler mais

« Older posts

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑