Condenada a sete anos, ex-vereadora recorreu e aposta em revisão na pena no TJMS (Foto: Arquivo)

O advogado Carlos Marques afirmou que a sentença da juíza Eucelia Moreira Cassal, da 3ª Vara Criminal, foi “absurda” e “pesada demais” por ter condenado a ex-vereadora Magali Picarelli (MDB) a sete anos de prisão no regime semiaberto. Ele anunciou que recorreu da decisão e aponta em revisão no Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul.

Ler mais