Tag: delação lúcio funaro

Citado em duas delações, Comper foi usado pela JBS para distribuir R$ 5 milhões a políticos

Rede de supermercado mostrou influência ao transformar monumento histórico em outdoor no sábado. Pichação comercial pode? (Foto: O Jacaré)

A JBS usava a Rede Comper, a maior varejista de Mato Grosso do Sul e 8ª no ranking nacional, para fazer doações e pagar propinas aos políticos. Duas delações envolvem o Grupo Pereira, que também é dono do Bate Forte e do Fort Atacadista, no esquema milionário de propinas e doações ilegais para corromper políticos no Estado. Ler mais

Cunha mantinha bancada mediante mesada e propina, mas Marun era fiel só por “amor”, diz delator

Deputado federal foi fiel ao ex-presidente da Câmara na felicidade e na tristeza, no comando do legislativo e na cadeia

O ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB),  preso e condenado a 14 anos por corrupção, mantinha uma bancada própria de parlamentares mediante o pagamento de propina e mesada. No entanto, o seu principal defensor no legislativo, Carlos Marun (PMDB), só lhe foi fiel porque ganhou um “estofo”, gíria para agrado ou gorjeta simbólica , para ser um deputado mais atuante. Ler mais

Em delação, Funaro cita propina milionária a Ivanildo Miranda, operador de André e Reinaldo

Ivanildo, que foi o tesoureiro da campanha de Reinaldo em 2014, é acusado de receber propinas, sendo R$ 1,5 milhão sozinho e dividir outros R$ 9 milhões (Foto: Arquivo)

Em delação premiada homologada pelo Supremo Tribunal Federal, o economista Lúcio Bolonha Funaro cita o pagamento de propina milionária ao empresário Ivanildo da Cunha Miranda, que foi o operador do ex-governador André Puccinelli (PMDB) e do governador Reinaldo Azambuja (PSDB). Além de dividir R$ 9 milhões com cinco integrantes da cúpula do PMDB, ele recebeu R$ 1,5 milhão em propina. Ler mais

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑