Desembargador João Maria Lós em vídeo divulgado em 2020, quando presidia o Tribunal Regional Eleitoral.

A 1ª Câmara Cível do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) deu mais um passo hoje para desbloquear R$ 101,5 milhões do senador Nelsinho Trad (PSD), da Financial Construtora e do ex-secretário municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Marcos Cristaldo. No mês de março, o relator Geraldo de Almeida Santiago havia proferido voto para que o bloqueio fosse reduzido, excluindo multa civil de R$ 50,7 milhões.

Ler mais