Tag: consórcio guaicurus (page 1 of 5)

Consórcio pede recálculo imediato para incluir ISS e elevar tarifa de ônibus a R$ 5,23

Além da superlotação, usuário ainda pode pagar caro pelo transporte coletivo (Foto: Arquivo/Richelieu de Carlo Pereira)

O Consórcio Guaicurus insiste na Justiça para que obrigue a Agereg (Agência Municipal de Regulação dos Serviços Delegados) a promover recálculo imediato na tarifa do transporte coletivo de Campo Grande. As empresas de ônibus querem a inclusão do ISS (Imposto Sobre Serviços), que voltou a ser cobrado no ano passado, e lutam para elevar o valor atual de R$ 4,20 para R$ 5,23.

Ler mais

CPI do Consórcio Guaicurus vira “teste de fogo” da renovação na Câmara de Campo Grande

Richelieu de Carlo
Renovada, Câmara vai ouvir os anseios da população ou vai repetir velhos hábitos de fazer ouvidos moucos para reclamações e denúncias de corrupção (Foto: Arquivo/Izaías Medeiros)

Os vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande têm o primeiro teste para mostrar que estão dispostos a atender o desejo de mudança demonstrado pelos eleitores da Capital no pleito de 2020, quando renovaram 18 das 29 cadeiras do Legislativo. A abertura de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar o Consórcio Guaicurus pode ser o primeiro passo para expor que omissão em relação a denúncias graves de corrupção ficaram no passado.

Ler mais

MPE é contra suspensão de obra, mas cobra mais informações sobre corredor de ônibus

Rua Bahia terá apenas duas faixas com a implantação de corredor do transporte coletivo (Foto: Arquivo/Midiamax)

O Ministério Público Estadual é contra a concessão de tutela de urgência para a suspensão das obras dos corredores do transporte coletivo em Campo Grande. No entanto, o promotor Luiz Antônio Freitas de Almeida cobra, em parecer anexado à ação popular nesta terça-feira (2), mais informações sobre o modelo escolhido para dar maior velocidade aos ônibus urbanos.

Ler mais

Consórcio quer preço de luxo para ônibus, mas prefeitura exclui ISS e define tarifa em R$ 4,20

Ônibus lotado e precário: empresas querem cobrar mais que aplicativos de transporte (Foto: Arquivo)

Mesmo com ônibus menores, velhos e superlotados, o Consórcio Guaicurus quer reajuste de 25,6% e elevar a tarifa para R$ 5,15 em plena pandemia, transformando o transporte coletivo em preço de luxo em Campo Grande. Obrigada a cumprir contrato, de promover reajuste anual, a Agência Municipal de Regulação autorizou correção de 2,43% e o valor da passagem do ônibus urbano passará de R$ 4,10 para R$ 4,20 a partir desta quarta-feira (30).

Ler mais

Justiça livra Consórcio Guaicurus de 147 multas e manda prefeitura reajustar tarifa de ônibus

Menores e mais caros: tarifa do transporte coletivo deve ter reajuste nos próximos dias (Foto: Arquivo)

A Justiça deferiu três liminares solicitadas pelo Consórcio Guaicurus, sendo duas neste mês o livram de pagar 147 multas aplicadas pelas agências municipais. Uma vai ter impacto direto na tarifa do transporte coletivo, que obriga a prefeitura a incluir o ISS (Imposto Sobre Serviços) no cálculo da tarifa. O valor pode superar R$ 5.

Ler mais

Contra caos no transporte, candidatos propõem desde incentivar caminhada até metrô

Como garantir transporte barato e com qualidade aos 120 mil passageiros na Capital? (Foto: Arquivo)

A maior parte dos candidatos a prefeito concorda que o transporte coletivo da Capital, usado por aproximadamente 120 mil passageiros por dia, é ruim e caro. No entanto, para acabar com o caos, as propostas variam desde manter os programas atuais, como a implantação dos corredores exclusivos, que contam com R$ 144 milhões do Governo federal, a mudança de paradigma, como incentivar caminhada e uso de bicicleta, e até implantação de metrô, que exigirá investimentos bilionários com pouco retorno.

Ler mais

Guaicurus é multado por atraso de 1h, falta de ônibus e de ações para combater a covid-19

Fiscais do Procon confirmaram as denúncias feitas pelos usuários do transporte coletivo (Foto: Divulgação)

O péssimo serviço prestado pelo Consórcio Guaicurus, formado por quatro empresas da família Constantino, foi constatado pelo Procon (Superintendência Estadual de Defesa do Consumidor) (veja aqui). Alvo de ações na Justiça e principal alvo do ataque dos candidatos a prefeito da Capital, as empresas de ônibus não cumprem o horário previsto, não adotam medidas determinadas pela Justiça para combater a pandemia da covid-19 e os veículos chegam com atraso de quase uma hora.

Ler mais

Justiça vai ver se contrato é cumprido ou modernidade do transporte coletivo ficou no papel

Pelo contrato, veículos deveriam ficar em área coberta e não na rua (Foto: Arquivo)

A Justiça vai constatar in loco se o contrato do transporte coletivo urbano de Campo Grande é cumprido ou a modernidade anunciada em 2012 ficou apenas no papel. Oito anos após a criação do Consórcio Guaicurus, o juiz David de Oliveira Gomes Filho, da 2ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, expediu mandados de constatação que podem levar a nova ação questionando o contrato bilionário firmado com o município.

Ler mais

Juiz aceita denúncia que pode levar à cassação do contrato do Consórcio Guaicurus

Passageiros se queixam da qualidade do serviço prestado por consórcio (Foto: Arquivo)

O juiz Ariovaldo Nantes Corrêa, da 1ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, aceitou a denúncia contra o Consórcio Guaicurus, acusado de ser beneficiado de direcionamento e limitação na competitividade na licitação realizada em 2012. A decisão mantém a ação que pode levar à anulação do contrato bilionário das empresas da família Constantino com o transporte coletivo de Campo Grande.

Ler mais

MPE vai à Justiça para anular contrato bilionário por serviço ruim com Consórcio Guaicurus

Esperança: passageiros enfrentam ônibus superlotado em plena pandemia. Nova licitação é esperança de melhora no sistema (Foto: Arquivo/Midiamax)

Mais um contrato bilionário firmado na gestão de Nelsinho Trad (PSD) pode ser anulado pela Justiça. Desta vez, em decorrência de direcionamento e limitação na competitividade, o Ministério Público Estadual ingressou com ação civil pública para anular o contrato bilionário firmado entre a prefeitura e o Consórcio Guaicurus. Ao focar nas suspeitas de corrupção, a promotoria dá esperança aos passageiros para acabar com o péssimo serviço de transporte coletivo urbano na Capital.

Ler mais
« Older posts

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑