Tag: carlos alberto de assis

Investigada pelo MPE recebeu R$ 4,2 milhões e dona é advogada de ex-secretário de Administração

Operação Clean cumpriu mandados de busca e apreensão em escritório de empresa que tem entre os sócios, advogada de Carlos Alberto de Assis (Foto: Henrique Arakaki/Midiamax)

Alvo da Operação Clean, a Max Limp – Produtos para Limpeza recebeu R$ 4,282 milhões do Governo do Estado entre 2015 e 2019, de acordo com o Portal da Transparência. Uma das sócias da empresa, Magali Aparecida da Silva Brandão, aparece como advogada do ex-secretário estadual de Administração e Desburocratização e atual presidente da Agepan (Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos), Carlos Alberto de Assis.

Ler mais

Tucanos barram volta de Miglioli e trocas de Reinaldo querem perpetuar PSDB no poder

Projeto de poder: Sérgio de Paula, Reinaldo e Riedel articulam para fortalecer o PSDB em 2022 (Foto: Arquivo)

Os caciques tucanos vetaram o retorno do engenheiro Marcelo Miglioli (SD) ao comando da Secretaria Estadual de Infraestrutura. A reforma no secretariado, em estudo por Reinaldo Azambuja, visa fortalecer o projeto do PSDB se perpetuar no poder em Mato Grosso do Sul. Acusado por três crimes no Superior Tribunal de Justiça, ele trabalha para ser o primeiro governador a fazer o sucessor na história do Estado.

Ler mais

Sem votos e sem popularidade tentam usar nova 14 de Julho, a “vitrine” de Marquinhos

Marquinhos, ao lado da primeira-dama Tatiana: 14 de Julho vira vitrine na disputa pela reeleição (Foto: Divulgação)

A repaginada na Rua 14 de Julho, o coração do comércio de Campo Grande, transformou-se na principal “vitrine” da campanha pela reeleição do prefeito Marquinhos Trad (PSD). No entanto, políticos sem voto, mas com pretensões de disputar a indicação de candidato a vice-prefeito, e com a popularidade em baixa em decorrência do pacote de maldades de fim de ano, como Reinaldo Azambuja (PSDB), tentaram usar a obra para dar um upgrade na imagem diante da opinião pública.

Ler mais

Fapems é condenada a devolver R$ 1,9 mi por cobrar taxa 128% mais cara em concurso da PM

Milhares de candidatos fizeram a avaliação física e ainda aguardamo resultado final de concurso, que estava previsto para dezembro do ano passado (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

O Governo do Estado optou pela proposta 128% mais cara para contratar sem licitação para realizar o concurso da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros no ano passado. Além de ter constatado o superfaturamento, a Justiça condenou a Fapems (Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura de Mato Grosso do Sul) a devolver R$ 1,976 milhão aos cofres públicos.

Ler mais

Reinaldo nomeia na Segov condenado a 4 anos e 6 meses de prisão por estelionato

Qual a capacidade da Secretaria de Governo para ter tantos comissionados? Mais uma nomeação deve causar polêmica (Foto: Arquivo)

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) nomeou na segunda-feira (4) o motorista Cleber Augusto Segóvia, 51 anos, para cargo comissionado na Segov (Secretaria Estadual de Governo e Gestão Estratégica). O mais novo funcionário de confiança tucano foi condenado a quatro anos e seis meses de prisão em regime fechado por estelionato, conforme acórdão do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul. Ler mais

Com gasto com pessoal estourado, Reinaldo já nomeou mais de 2 mil comissionados

No segundo mandato de Reinaldo, Assis vai continuar como secretário, mas para chefiar gabinete do governador. Oficialmente, número de secretarias caiu de 10 para nove (Foto: Arquivo)

O Governo de Mato Grosso do Sul superou o limite do gasto com pessoal previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal no ano passado. No entanto, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) já nomeou mais de 2 mil comissionados, aumento de 7,2% em relação ao número oficial e contrariando a promessa de reduzir cargos de confiança no segundo mandato. Ler mais

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑