Tag: alan guedes (page 1 of 2)

Alan Guedes defende reajuste de 58% no próprio salário e 1/3 de férias para políticos de Dourados

Prefeito se antecipa à notificação da Justiça e se manifesta para evitar concessão de liminar para suspende o reajuste no próprio salário de R$ 13,8 mil para R$ 21,9 mil (Foto: Arquivo)

O prefeito de Dourados, Alan Guedes (Progressistas) foi à Justiça defender o reajuste de 58,64% no próprio salário, que passou de R$ 13.804,56 para R$ 21,9 mil. Além de considerar “legal e constitucional” ainda os aumentos nos subsídios de secretários municipais e do vice-prefeito, Guto Moreira, ele ainda defendeu o pagamento de um terço de férias para os políticos da cidade, a segunda maior de Mato Grosso do Sul.

Ler mais

Ação aponta dano de R$ 2,3 mi e pede para anular reajuste de 64% no salário de prefeito

Alan Guedes foi contemplado com reajuste de 58%, com salário passando para R$ 21,9 mil, enquanto o vice, Dr. Guto, com aumento de 64% (Foto: Arquivo)

O advogado Daniel Ribas da Cunha ingressou com ação popular para anular o aumento de até 64% nos salários de secretários municipais, do vice-prefeito e do prefeito de Dourados. O índice é mais que dez vezes o índice de reajuste de 5% concedido aos servidores públicos municipais. Conforme o pedido protocolado na Justiça, existe o risco de causar dano de R$ 2,346 milhões aos cofres municipais.

Ler mais

Dourados: TJ nega volta da verba indenizatória e vereadores podem devolver R$ 5 milhões

Câmara recorreu à Justiça para voltar a pagar a verba indenizatória aos 19 vereadores de Dourados (Foto: Arquivo)

A Justiça vetou o uso do dinheiro público para bancar a farra da verba indenizatória pelos vereadores de Dourados, que teriam direito a R$ 4 mil por mês para bancar despesas diversas do mandato. O “penduricalho” foi considerado inconstitucional pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul. Em dezembro, o desembargador Vilson Bertelli negou pedido de liminar para o legislativo retomar o pagamento.

Ler mais

Um país sem crise: prefeito e vereadores de Iguatemi terão reajuste salarial de 27%

Os políticos de Iguatemi também aderiram a onda de que acabou a crise e elevaram os próprios salários em 27%, enquanto a população continua sofrendo os gravíssimos efeitos da pandemia. O prefeito Lídio Ledesma (Progressistas) vai passar a receber R$ 20.320 a partir do próximo dia 1º. O aumento foi aprovado pelos vereadores, que também elevaram os próprios salários.

Ler mais

Salário do prefeito e vice de Dourados sobe até 64%, já servidores terão apenas 5%

Presente de Natal: Guedes terá aumento de 58,64% em 2022, de R$ 13,8 mi para R$ 21,9 mil (Foto: Arquivo)

Os servidores municipais de Dourados, segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul, vão ter reajuste de apenas 5%, metade da inflação oficial registrada nos últimos 12 meses. Por outro lado, não há crise para os salários da cúpula do município. O prefeito Alan Guedes (PP), o vice-prefeito e secretários vão ter aumento de até 64% a partir do próximo dia 1º.

Ler mais

Enquanto políticos criticam, eles fazem a diferença e doam 2,5 mil cestas completas aos índios

Cerca de 400 famílias foram contempladas com a doação de cestas básicas nas aldeias Jaguapiru e Bororó (Foto: Divulgação)

Enquanto a classe política sul-mato-grossense ficou ofendida e reagiu com bombardeio à revelação em rede nacional de que os índios passam fome em Dourados, o grupo comandado pelo economista Eduardo Moreira faz a diferença e doa 2,5 mil cestas básicas completas para 500 famílias indígenas. Os alimentos foram comprados após vaquinha na internet, que arrecadou cinco vezes o previsto.

Ler mais

Dourados decreta lockdown por 14 dias e prefeitos podem ampliar medida a MS após recorde

Dourados, segunda maior cidade de MS, impõe lockdown aos 223 mil habitantes por duas semanas (Foto: Arquivo)

A Prefeitura de Dourados decretou lockdown por 14 dias para conter a 3ª onda da covid-19 e salvar vidas no município a partir deste domingo (14). Com a pandemia batendo novo recorde, com 2.998 casos em 24 horas neste sábado e fechando maio como o mês com o maior número de infectados, os prefeitos avaliam seguir o exemplo de Alan Guedes (Progressistas) e estender a medida mais radical para todas as 79 cidades de Mato Grosso do Sul.

Ler mais

Bolsonaro admite retornar ao PP e pode turbinar partido de Bernal e Gerson Claro em MS

Bolsonaro pode retornar ao antigo PP, do qual foi filiado de 2005 a 2016 (Foto: Arquivo)

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), admite retornar ao Progressistas, antigo PP, para disputar a reeleição em 2022. Caso se confirme a decisão, ele poderá turbinar a sigla do ex-prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal, que está inelegível, e do deputado estadual Gerson Claro, que foi preso acusado de corrupção e organização criminosa quando era presidente do Departamento Estadual de Trânsito.

Ler mais

Após polêmica de “pessoas com fome” em Dourados, economista arrecada alimentos para índios

Indígenas dividem espaço com urubu em aldeia, conforme registro feito pelo economista durante estadia na reserva (Foto: Divulgação)

O economista Eduardo Moreira, coordenador do projeto “Brasil de Verdade”, decidiu aproveitar a polêmica sobre a miséria nas aldeias de Dourados para arrecadar alimentos para os índios. Detonado por políticos da cidade pela frase de que “as pessoas comem restos de comida” na segunda maior cidade do Estado, a 230 quilômetros da Capital, ele lançou, nesta segunda-feira (24), vaquinha social para ajudar os indígenas.

Ler mais

MP apura fraude no ponto na saúde na 8ª operação contra corrupção na gestão Délia Razuk

Gaeco deu apoio ao MPE na operação que apura fraude no livro de ponto na saúde (Foto: Divulgação)

O Ministério Público Estadual deflagrou, nesta segunda-feira (30), a Operação Ponto Britânico para apurar fraude no preenchimento das folhas de frequência dos profissionais da saúde em Dourados, a 223 quilômetros da Capital. Esta é a 8ª operação contra a corrupção na gestão de Délia Razuk (PTB), prefeita de Dourados que não disputou a reeleição neste ano.

Ler mais
« Older posts

© 2022 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑