Tag: ações por improbidade

Com 40 mil páginas, novas denúncias de improbidade contra André miram Aquário e gráfica

Ex-governador, que diz que não só não será candidato se morrer, é alvo de novas ações por improbidade, desta vez pelos desvios no Aquário do Pantanal (Foto: Henrique Arakaki/Midiamax)

Duas novas ações de improbidade administrativa e enriquecimento ilícito decorrente da Operação Lama Asfáltica começaram a tramitar na Justiça contra o ex-governador André Puccinelli (MDB). Com aproximadamente 40 mil páginas, as novas denúncias se referem aos desvios ocorridos na emblemática obra do Aquário do Pantanal e nos contratos milionários firmados entre a Secretaria Estadual de Educação e a Gráfica Alvorada.

Ler mais

Para adiar pela 2ª vez ação que cobra R$ 12 milhões, grupo de Giroto ameaça ficar em silêncio

Para forçar juiz a adiar julgamento, ex-deputado diz que ficará em silêncio se não for ouvido só após interrogatório na 3ª Vara Federal (Foto: Arquivo)

O ex-deputado federal Edson Giroto (PR), o servidor estadual Wilson Roberto Mariano de Oliveira, o Beto Mariano, e o ex-coordenador da Agesul, João Afif Jorge, ameaçam ficar em silêncio no interrogatório para adiar, pela segunda vez, o julgamento de três ações por improbidade administrativa. Eles podem ser condenados a devolver R$ 12,130 milhões aos cofres públicos em decorrência dos crimes apurados na Operação Lama Asfáltica.

Ler mais

Sem condições de pagar dívida, Nelsinho tem nome inscrito no SPC e Serasa

Novo senador de Mato Grosso do Sul, Nelsinho não paga dívida de R$ 2,5 milhões e tem nome inscrito em órgãos de proteção ao crédito (Foto: Arquivo)

Com contas bancárias e bens bloqueados em decorrência de ações por suspeita de fraude e improbidade administrativa, o senador eleito Nelsinho Trad (PTB) não conseguiu cumprir ordem judicial para pagar dívida de R$ 2,5 milhões e teve o nome inscrito em órgãos de proteção ao crédito. O ex-prefeito da Capital foi inscrito no Serasa e no SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Ler mais

Juiz Federal vai julgar três ações contra Nelsinho e Mandetta por fraudes milionárias no Gisa

Mandetta e o primo, ex-prefeito Nelsinho, vão continuar respondendo na Justiça Federa por fraudes milionárias na saúde (Foto: Arquivo)

Após três anos e seis meses de discussões, o juiz Pedro Pereira dos Santos, da 4ª Vara Federal de Campo Grande, decidiu que caberá à Justiça Federal julgar as ações contra o ex-prefeito Nelsinho Trad (PTB) e o ex-secretário municipal de Saúde, o deputado federal Luiz Henrique Mandetta (DEM). Eles são acusados de causar prejuízos milionários aos cofres públicos por meio de fraudes na implantação do sistema Gisa (Gestão de Informações em Saúde). Ler mais

Juiz bloqueia R$ 91,6 milhões de Nelsinho e empresa que terceirizou tapa-buracos

Nelsinho Trad vem tendo revés na Justiça. Para rebater a sentença que suspendeu os direitos políticos, ele foi até o aterro do Pólo Oeste para rebater denúncia de que não cumpriu TAC (Foto: Arquivo/Correio do Estado)

A Justiça determinou o bloqueio de mais R$ 91,626 milhões do ex-prefeito Nelsinho Trad, pré-candidato a senador pelo PTB, da empresa Usimix, de três ex-secretários e mais 10 pessoas por suposta fraude na operação tapa-buracos. É a 8ª liminar concedida em dois anos. Das 11 ações por improbidade, duas foram indeferidas e uma ainda depende de análise do magistrado. Ler mais

Nelsinho e Bernal: ex-prefeitos na berlinda e a escolha do juiz, lento com um, rápido com outro

MPE põe ex-prefeitos em situação delicada ao mover ações por improbidade administrativa. No entanto, a Justiça é ágil com um e morosa com o outro (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

Dois ex-prefeitos de Campo Grande foram denunciados por improbidade administrativa, mas a Justiça foi ágil com um, enquanto é morosa com outro. Nelsinho Trad (PTB), prefeito da Capital por dois mandatos, é alvo de sete ações por improbidade administrativa, que pedem o bloqueio de R$ 1,2 bilhão. Somente em uma, de novembro do ano passado, o juiz Marcelo Ivo de Oliveira, determinou a indisponibilidade dos seus bens. Ler mais

Liminares arranham imagem e Justiça pode tirar André do caminho de tucano em 2018

Justiça vira pedra no caminho de favorito de André Puccinelli que pode ficar fora da disputa de 2018 (Foto: Divulgação)

Duas ações aceitas pela Justiça neste mês começam a desmistificar a imagem do ex-governador André Puccinelli (PMDB), que surge como o único em condições de impedir a reeleição do atual governador, Reinaldo Azambuja (PSDB). No entanto, o peemedebista não vem conseguindo convencer os juízes com suas histórias. Ao bloquear os bens, a Justiça sinaliza que poderá tirá-lo do caminho do tucano nas eleições de 2018. Ler mais

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑