Tag: 3ª vara federal de campo grande (page 2 of 9)

Giroto atrasa alegações finais pela 2ª vez e dita ritmo de ação sobre mansão na 3ª Vara Federal

Denúncia sobre ocultação de R$ 2,8 milhões na construção de mansão só depende de alegações finais para sentença (Foto: Arquivo)

Condenado duas vezes na Operação Lama Asfáltica, o ex-deputado federal Edson Giroto tem obtido sucesso na estratégia para postergar ao máximo a 3ª sentença. Pela 2ª vez consecutiva, a defesa não cumpriu a determinação da Justiça Federal para apresentar as alegações finais e, praticamente, vem ditando o ritmo do andamento da ação penal sobre a ocultação de R$ 2,8 milhões na construção da mansão cinematográfica no Residencial Damha.

Ler mais

Com medo de PF descobrir “segredos”, filho de Reinaldo pede devolução de celular e HDs

Advogado diz que PF pode acessar ilegalmente dados de clientes de escritório (Foto: Arquivo)

O advogado Rodrigo Souza e Silva, filho do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), ingressou com pedido de restituição imediata do telefone celular, computadores e documentos apreendidos na Operação Motor de Lama, denominação da 7ª fase da Lama Asfáltica. Temendo a revelação de segredos, como a estratégia de defesa em outros processos, ele ainda quer acompanhar a perícia da Polícia Federal em item a item apreendido em sua casa e no escritório Souza, Ferreira & Novaes Sociedade de Advogados.

Ler mais

Motor de Lama: após delação de Ivanildo, genro virou sócio e teve elevados repasses de réus

Genro de Ivanido da Cunha Miranda virou sócio da Mil Tec e recebeu repasses elevados de Antônio Cortez (Foto: Arquivo)

Alexandre Souza Donatoni, o Xiru, virou sócio de empresa de informática e recebeu elevadas quantias o sogro, o empresário Ivanildo da Cunha Miranda, fazer a delação premiada na Operação Lama Asfáltica. As revelações feitas na colaboração foram cruciais para levar o ex-governador André Puccinelli (MDB) pela primeira vez à cadeia em novembro de 2017.

Ler mais

Condenado pela 5ª vez, Galã pega oito anos por usar 14 laranjas para lavar dinheiro do tráfico

Galã tem uma corrida de crimes cometidos desde 2005 (Foto: Arquivo)

Preso no Presídio Federal de Mossoró, o narcotraficante Elton Leonel Rumich da Silva, o Galã, foi condenado a oito anos de prisão em regime fechado por usar 14 laranjas, entre pessoas e empresas, para lavar o dinheiro do tráfico internacional de drogas. Esta é a 5ª condenação, conforme sentença da juíza substituta da 3ª Vara Federal, Júlia Cavalcante Silva Barbosa, publicada no Diário Oficial desta terça-feira (1º).

Ler mais

Com bens bloqueados, João Amorim usou amigo para receber mesada de R$ 300 mil da PSG

NEM AÍ – João Amorim recebeu mais de R$ 6 milhões da PSG por meio de amigo para driblar bloqueio de bens da Justiça (Foto: Arquivo)

O empresário João Amorim usou um amigo para driblar o bloqueio das contas bancárias e bens determinado pela Justiça para continuar recebendo mesada mensal de aproximadamente R$ 300 mil da PSG Tecnologia Aplicada, que mantém contratos milionários com o Governo do Estado. Essa é uma das revelações da Operação Motor de Lama, denominação da 7ª fase da Lama Asfáltica. O repasse não foi interrompido nem durante a prisão do empresário.

Ler mais

Juiz mantém prisão de sócio de lava jato acusado de lavar dinheiro para Máfia da Fronteira

Juiz Bruno Cezar, da 3ª Vara Federal, negou pedido de habeas corpus de empresário preso na Operação Laços de Família (Foto: Arquivo)

A Justiça manteve a prisão preventiva do empresário Jeferson Alves Rocha, o Bodão, acusado de ser sócio de lava jato usado para lavar dinheiro do tráfico de drogas para a Máfia da Fronteira. Conforme despacho do juiz Cezar Bruno da Cunha Teixeira, da 3ª Vara Federal de Campo Grande, ele executava as atividades criminosas determinadas pelo irmão, Douglas Bodinho, quando ele estava preso por homicídio em Mundo Novo.

Ler mais

Juíza inocenta ex-diretor do HU e mais 3 por licitação fictícia em contrato de R$ 10 milhões

Médico Wilson Canteiro foi declarado inocente em denúncia feita pelo MPF em 2018 (Foto: Arquivo)

Sentença da 3ª Vara Federal de Campo Grande inocentou o médico Wilson de Barros Cantero, ex-diretor técnico do Hospital Universitário, e mais três pessoas de denúncia na Operação Sangue Frio. Eles foram acusados pelo Ministério Público Federal de simular licitação para legalizar contrato de R$ 10,057 milhões com a H. Strattner e de atestar o pagamento de R$ 429,8 mil por serviços não realizados.

Ler mais

Zeca Lopes usou empresas em nome das filhas para comprar oito imóveis e 13 carros de luxo

Veículos foram apreendidos na Operação Labirinto de Creta 2, deflagrada pela PF em 2017 (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

O empresário José Carlos Lopes, o Zeca Lopes, usou empresas em nome das três filhas para comprar oito imóveis urbanos e rurais e 66 veículos, sendo 13 carros de luxo, que custam entre R$ 140 mil e R$ 1 milhão. Apresentada em setembro do ano passado pelo procurador Silvio Pettengill Neto, a denúncia por sonegação tributária e previdenciária foi recebida pelo juiz Bruno Cezar da Cunha Teixeira, da 3ª Vara Federal de Campo Grande.

Ler mais

Giroto aproveita “falha” na internet para tentar tirar denúncia sobre mansão da 3ª Vara Federal

Ex-secretário e a esposa são réus pela ocultação de R$ 2,8 milhões na construção da mansão cinematográfica (Foto: Arquivo)

O ex-secretário estadual de Obras, Edson Giroto, aproveitou a “falha” na internet no Residencial Damha, que adiou o interrogatório no mês passado, para tirar mais uma ação da 3ª Vara Federal. Desta vez, o ex-deputado pretende levar para a Justiça Estadual a denúncia de que ocultou R$ 2,8 milhões desviados dos cofres públicos na construção da mansão cinematográfica, que se tornou um dos símbolos da Operação Lama Asfáltica.

Ler mais

TRF3 envia ação à Justiça estadual e livra Giroto e Amorim de julgamento na Aviões de Lama

Solto graças à pandemia, Giroto tem outra boa notícia ao ficar livre da sentença da 3ª Vara Federal (Foto: Reprodução)

Mais uma vitória dos acusados de integrar a suposta organização criminosa investigada na Operação Lama Asfáltica, que teria causado prejuízo de mais de R$ 430 milhões aos cofres públicos. A 5ª Turma do Tribunal Regional Federal da 3ª Região decidiu enviar à Justiça Estadual a denúncia decorrente da Operação Aviões de Lama e livrou o ex-deputado federal Edson Giroto e o poderoso empresário João Amorim do julgamento, que seria concluído na segunda-feira (29).

Ler mais
« Older posts Newer posts »

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑