Tag: 3ª vara federal de campo grande (page 1 of 10)

Fraudes na Lúdio Coelho: liminar de Fontes atrasa 2º julgamento de André na Lama Asfáltica

Ex-governador quer perícia em documentos e em toda a extensão de avenida construída na Capital que teria causado prejuízo de R$ 4,8 milhões à União (Foto: Arquivo)

O desembargador Paulo Fontes, do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, concedeu liminar em habeas corpus para suspender o julgamento do ex-governador André Puccinelli (MDB) pelas fraudes na obra da Avenida Lúdio Martins Coelho, em Campo Grande. Este deve ser o 2º julgamento do emedebista na Operação Lama Asfáltica a sofrer atraso por causa de decisão da segunda instância.

Ler mais

Mais Lama: ação por organização criminosa contra Cance e milionários vai à justiça estadual

Juiz envia para justiça estadual denúncia de organização criminosa contra oito réus na Operação Lama Asfáltica, inclusive milionários e filho de ex-governador (Foto: Arquivo)

Mais uma ação por organização criminosa contra oito réus na Operação Lama Asfáltica, inclusive milionários vai ser encaminhada para a justiça estadual de Mato Grosso do Sul a pedido do ex-secretário-adjunto estadual de Fazenda, André Luiz Cance. Em despacho publicado nesta terça-feira (14), o juiz Bruno Cezar da Cunha Teixeira, declina competência para a denúncia envolvendo os acusados de desviar dinheiro público na gestão de André Puccinelli (MDB).

Ler mais

André pede aval de juiz para vender 4 terrenos em residencial de luxo e pode faturar R$ 2,4 mi

André quer vender quatro terrenos no residencial de luxo, onde um lote pode custar até R$ 1,3 milhão (Foto: Reprodução)

O ex-governador André Puccinelli (MDB) pediu autorização da Justiça Federal para vender quatro lotes no Residencial Damha I, famoso condomínio de luxo na Capital. Conforme corretores do mercado imobiliário, o emedebista pode faturar, no mínimo, R$ 2,4 milhões com a venda dos imóveis. O Ministério Público Federal manifestou-se favorável a alienação dos terrenos.

Ler mais

TRF3 dá vitória a André, manda periciar toda MS-430 e deve atrasar sentença sobre desvio

TRF3 acata pedido de ex-governador e manda fazer perícia em toda a extensão da MS-430 (Foto: Arquivo)

A 5ª Turma do Tribunal Regional Federal da 3ª Região acatou parcialmente pedido do ex-governador André Puccinelli (MDB) e deverá atrasar a sentença sobre o suposto desvio milionário na MS-430. Por determinação da corte, a perícia deverá ser feita em toda a extensão da rodovia e não apenas no trecho executado pela Proteco, do empresário João Amorim.

Ler mais

Juiz interrogará Amorim e filhas para encerrar julgamento sobre ocultação de R$ 33,8 milhões

Empresário chegou a arrolar 250 testemunhas de defesa para atrasar julgamento, que será concluído em novembro (Foto: Arquivo)

O juiz Bruno Cezar da Cunha Teixeira, da 3ª Vara Federal, marcou o interrogatório do poderosíssimo empresário João Amorim, da sua sócia e das três filhas pela ocultação de R$ 33,858 milhões supostamente desviado dos cofres públicos na compra de duas fazendas. Com o depoimento dos réus, o magistrado conclui o julgamento de uma das ações mais morosas, arrastadas e problemáticas da Operação Lama Asfáltica.

Ler mais

Dono de siderúrgica é condenado a 5 anos, perda de fazenda e R$ 1,3 mi por trabalho escravo

Dono de Simasul, José Afonso Gonçalves, perdeu fazenda e ainda vai pagar indenização por danos morais e individuais de R$ 1,375 milhão (Foto: Arquivo)

O empresário José Afonso Gonçalves, dono da Siderúrgica Simasul, em Aquidauana, foi condenado a cinco anos e oito meses de reclusão, a pagar multa de R$ 1,375 milhão e a perda de uma fazenda por manter 25 funcionários em situação análoga ao de trabalho escravo. Rara, senão inédita em Mato Grosso do Sul, a sentença do juiz Bruno Cezar da Cunha Teixeira, da 3ª Vara Federal, foi publicada nesta quinta-feira (22).

Ler mais

Garagista vira réu por usar contas da mãe e ex para ocultar R$ 17 milhões do tráfico e contrabando

Juiz Bruno Cezar da Cunha Teixeira negou pedido de acusado para anular denúncia e marcou julgamento (Foto: Arquivo)

A Justiça Federal aceitou denúncia contra um garagista que usou as contas bancárias da mãe e da ex-namorada para movimentar R$ 17,3 milhões supostamente oriundos do tráfico internacional de drogas e do contrabando de cigarros em Mundo Novo (MS) e Guaíra (PR). Conforme despacho do juiz Bruno Cezar da Cunha Teixeira, da 3ª Vara Federal, publicado hoje (21), ainda há a suspeita de que Inácio Batista Mello tenha ligação com a Máfia da Fronteira, desbaratada na Operação Laços de Família.

Ler mais

Presidente de ONG é condenado a prestar serviço pelo desvio de R$ 183 mil da Igualdade Racial

ONG recebeu dinheiro da União, mas não provou a execução do projeto (Foto: Arquivo)

Sentença da juíza substituta Júlia Cavalcante Silva Barbosa, da 3ª Vara Federal de Campo Grande, condenou Getúlio Raimundo de Lima, presidente de organização não-governamental pelo desvio de R$ 183,8 mil destinado a políticas voltadas aos afrodescendentes. Ele vai pagar R$ 20 mil, prestar serviços à comunidade pelo período da pena de dois anos e quatro meses e ressarcir os cofres públicos em R$ 322,8 mil.

Ler mais

Juiz manda ação de Puccinelli sobre fraude na compra de livros didáticos à Justiça estadual

Richelieu de Carlo
Juiz envia 2ª denúncia contra André na Operação Lama Asfáltica para a Justiça estadual (Foto: Arquivo)

O juiz Bruno Cezar da Cunha Teixeira, da 3ª Vara Federal, determinou o encaminhamento de mais uma ação da Operação Lama Asfáltica contra o ex-governador André Puccinelli (MDB) para ser analisada pela Justiça de Mato Grosso do Sul. Após o magistrado aceitar pedido da defesa do ex-chefe do Parque dos Poderes, os autos da investigação referente a fraudes na compra de livros paradidáticos da Gráfica Alvorada durante a gestão emedebista deverão ir para a 1ª Vara Criminal de Campo Grande.

Ler mais

MPF recorre para manter inquérito contra filho de Reinaldo por desvio na Justiça Federal

Richelieu de Carlo
Policiais federais durante cumprimento de mandados da Operação Motor de Lama (Foto: Arquivo)

O Ministério Público Federal recorreu ao Tribunal Regional Federal da 3ª Região para manter na Justiça Federal a investigação contra o advogado Rodrigo Souza e Silva, filho do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), pelo suposto desvio milionário no Detran. Sob pressão dos réus, o juiz Bruno Cezar da Cunha Teixeira, da 3ª Vara Federal, já encaminhou todo o inquérito policial 523/2017 para a 1ª Vara Criminal de Campo Grande.

Ler mais
« Older posts

© 2021 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑