Categoria: Campo Grande (page 2 of 102)

Após dois anos sem aumento, professores lutam para obter reajuste de 33,24% neste ano

Professores de Campo Grande rejeitaram duas propostas feitas pela prefeitura e vão discutir uma contraproposta amanhã (Foto: Divulgação)

Com os salários congelados desde 2020, em decorrência da pandemia e das eleições municipais, os professores da Rede Municipal de Ensino de Campo Grande estão unidos e mobilizados para conseguir o reajuste de 33,24% até o fim deste ano. Em duas assembleias gerais, com ampla participação, eles rejeitaram a proposta feita pelo município.

Ler mais

Nelsinho paga R$ 50 mil em 24 vezes para se livrar de ação da Coffee Break; dono de jornal negou acordo

Alcides Bernal foui sucessor de Nelsinho Trad na prefeitura de Campo Grande.

Acordo de R$ 50 mil em suaves 24 parcelas tirou o senador Nelsinho Trad (PSD) da versão criminal da Operação Cofeee Break, que apontou associação criminosa e corrupção na cassação do então prefeito Alcides Bernal (Progressistas). O MPE (Ministério Público Estadual) também acenou com a suspensão condicional do processo para o empresário Carlos Naegele, dono do jornal Midiamax. Porém, neste caso, a promotoria ouviu um não.

Ler mais

Biblioteca e revitalização de playground viram “armas” para mudar vida de crianças

Leitores mirins aproveitam a inauguração da biblioteca para colocar a leitura em dia (Foto: Divulgação).

A preocupação de uma mãe com a violência doméstica e ver as crianças sem ter o que fazer durante os dias de isolamento social na pandemia, que levou à suspensão das aulas nas escolas, resultou na criação de uma biblioteca infanto-juvenil e na revitalização da pracinha e playground do Conjunto Residencial Jornalista Armando Tibana, no Bairro Paulo Coelho Machado, em Campo Grande. O projeto foi encabeçado pelo Rotary Club Campo Grande Cidade dos Ipês e a inauguração ocorreu no sábado (5). 

Ler mais

Juiz retoma ação contra Nelsinho por superfaturamento na manutenção de carros da Sesau

Juiz determinou a retomada de ação contra senador que estava parada desde novembro de 2018 (Foto: Arquivo)

O juiz David de Oliveira Gomes Filho, da 2ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, determinou, a retomada da ação de improbidade administrativa contra o senador Nelsinho Trad (PSD). A denúncia chegou a ser anulada pelo Tribunal de Justiça, mas foi retomada por determinação do STJ (Superior Tribunal de Justiça). O ex-prefeito voltou a ser réu por superfaturamento, direcionamento e outras irregularidades na contratação de empresa para manutenção dos veículos da Secretaria Municipal de Saúde.

Ler mais

Dagoberto consegue na Justiça pagar menos IPTU e ainda ficar isento da taxa de limpeza

Deputado federal tem dois terrenos no condomínio Terras do Golfe, na BR-262.

O deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT) derrotou a prefeitura de Campo Grande em ação judicial e viu a alíquota do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) cair de 3,5% para 1%. A cobrança é sobre dois terrenos no condomínio Terras do Golfe, na BR-262, na saída para Três Lagoas. A decisão da 6ª Vara do Juizado Especial Central de Campo Grande ainda derrubou a cobrança de taxa de serviços urbanos (limpeza pública).

Ler mais

Deputado pede ao MPF para obrigar Energisa a suspender protesto de devedor em cartório

Em plena pandemia, presidente da Energisa, Marcelo Vinhaes Monteiro, vem aterrorizando consumidores com proteto em cartório com contas com mais de cinco dias em atraso (Foto: Arquivo)

O deputado estadual Paulo Duarte (MDB) acionou o Ministério Público Federal para ingressar com ação na Justiça para obrigar a Energisa a suspender o protesto em cartório dos consumidores com contas em atraso em Mato Grosso do Sul. Ele também pede que a empresa cancele todos os protestos, porque a medida é “abusiva” e não tem amparo legal na Resolução 1.000 da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) nem no contrato de prestação de serviço.

Ler mais

Com novo pico da pandemia, população sofre em filas e restrição volta a assombrar MS

Demanda por teste teve aumento de 300% e exige até quatro horas de espera na fila (Foto: Marcos Ermínio/Midiamax)

Com o novo pico da pandemia da covid-19 e a inesperada explosão dos casos de gripe, principalmente, da H3N2, os moradores de Campo Grande passaram a sofrer em longas filas e horas intermináveis de espera nas unidades de saúde públicas e privadas. Além de causar pânico, a volta das restrições voltou a assombrar empresários e igrejas.

Ler mais

Trabalhadores aprovam greve e aumentam pressão para elevar a tarifa de ônibus acima de R$ 5

Em torno de 20 trabalhadores participaram da assembleia que aprovou a greve a partir de sexta (Foto: Midiamax)

Os trabalhadores do transporte coletivo de Campo Grande aprovaram, nesta segunda-feira (3), greve por tempo indeterminado a partir da próxima sexta-feira (7). Com a paralisação dos ônibus, considerado serviço essencial, o Consórcio Guaicurus aumenta a pressão para elevar o valor do passe de R$ 4,20 para, pelo menos, R$ 5,12.

Ler mais

Vereador viraliza ao “fiscalizar” UPA e levar coordenadora à polícia na noite de Ano Novo

Vargas diz que fez o seu papel de vereador: maioria apoiou a iniciativa, mas muitos criticaram que atitude não é de vereador (Foto: Divulgação)

O vereador Tiago Vargas (PSD) viralizou nas redes sociais ao “fiscalizar” o atendimento na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Bairro Universitário na noite de Ano Novo (1º). O imbróglio teve discussão, intervenção da Polícia Militar e Guarda Municipal e terminou com a coordenadora da unidade de saúde sendo levada até à delegacia. A atitude do parlamentar causou polêmica, teve apoio e também foi criticado por fazer “showzinho”.

Ler mais

Sem crise! Vereador da Capital eleva verba indenizatória em 48% e vai torrar R$ 4,3 mi por ano

Carlão aproveita as festas de fim de ano para elevar verba indenizatória: cada vereador poderá gastar R$ 362.500 por ano (Foto: Divulgação)

Os vereadores de Campo Grande ganharam um baita presente de Ano Novo: a verba indenizatória terá aumento de 48,8% e passará dos atuais R$ 8,4 mil para R$ 12,5 mil por mês. Alheio à grave crise econômica e aos clamores da sociedade, a Câmara vai passar a gastar R$ 4,350 milhões com a cota parlamentar destinada aos 29 edis. Em quatro anos, o dinheiro público gasto com a manutenção dos parlamentares será de R$ 17,4 milhões.

Ler mais
« Older posts Newer posts »

© 2022 O Jacaré

Site desenvolvido por Fernando DiasUp ↑