Mesmo com os problemas revelados na produção, a farmacêutica inglesa espera manter um cronograma otimista sobre os resultados do produto. A vacina, uma das que vêm sendo testadas no Brasil, é considerada uma das mais avançadas, com testes clínicos na fase final.

Caso a programação seja mantida, 30 milhões de doses de vacina contra a covid-19 já estariam no mercado em dezembro, por estarem prontas desde setembro. O fornecimento contínuo depende, também, da aprovação dos órgãos reguladores de saúde dos países que integram os testes clínicos.

Veja mais:

Bolsonaro choca e causa espanto com veto à compra de 46 milhões de doses de vacina da China

Boletim Covid O Jacaré: ricos ficaram ainda mais ricos na pandemia

Redes sociais são, cada vez mais, meios de desinformação contra vacinas anti-covid

OMS afirma que a ciência e a solidariedade vão ajudar a vencer a pandemia de covid

Aconselha, contudo a preparação imediata de medidas para conter a próxima pandemia que, certamente, virá. A nota à imprensa foi distribuída nesta quinta-feira, como forma de chamada à 73ª Assembleia Mundial da Saúde, que vai acontecer na próxima semana. A covid-19 já contaminou 48,4 milhões de pessoas e, dessas, 1,2 mil morreram, sendo 161,1 no Brasil, conforme os dados oficiais da OMS. Para o encontro de representantes mundiais, serão discutidas estratégias sobre o acesso à vacina, sob a colaboração denominada Acelerador de às Ferramentas Covid-19. A ferramenta representa a união de países e empresas particulares para a imunização da população de nações empobrecidas.

OMS cobra medidas mais duras dos governos europeus e descarta fim de aulas

A Europa é a região com maior número de casos na comparação com a situação global da pandemia de covid-19, mas as medidas tomadas pelos governantes são consideradas insuficientes para conter novas infecções e mortes. O diretor regional da OMS (Organização Mundial de Saúde), Hans Kluge, pede aos líderes que imponham medidas mais “direcionadas e apropriadas” contra a doença, mas descarta o fechamento de escolas. A interrupção do ensino presencial só será interrompido em casos extremos. Desde outubro a Europa é a região com maior número de contaminações, chegando a 11,6 milhões de infecções e registrando 293 mil mortes. Os governos de todos os países estão impondo medidas, como toques de recolher e encerramento do comércio não essencial, mas a população tem manifestado revolta. Atos contrários às medidas foram registrados na Itália e Inglaterra, que podem permanecer com restrições até o mês de janeiro de 2021.

EUA registram 102,8 mil novos casos diários de covid-19

O aumento de casos é creditado ao período eleitoral, para a escolha do presidente, deputados e senadores. Segundo dados da Access Health Internacional, que monitora a saúde em nível mundial, os EUA chegaram mais rápido ao marco de 100 mil novos casos ao dia. A velocidade das novas infecções excede a realização de testes, que cresceu 4,52% na última semana, enquanto houve 21% mais infecções. 

Fazemos o boletim covid-19 porque:

Em dezembro de 2019, as autoridades de chinesas de informaram a OMS (Organização mundial de Saúde) sobre o surto de uma nova doença, que foi nomeada posteriormente de covid-19. Em 11 de março, a OMS anunciou que as infecções atingiam proporções epidêmicas. Os dados sobre casos e mortes são fornecidos pela Universidade Johns Hopkins, mas podem não representar a totalidade por conta da subnotificação registrada em muitos países, como o Brasil, que mudou a sistemática de divulgação dos indicadores relativos à covid-19.

Quer ajudar a fazer o boletim covid-19 do Jacaré? Mande sua dúvida que vamos responder

Há muitas dúvidas sobre a pandemia e vamos buscar respostas oficiais para os leitores de O Jacaré. Para participar basta mandar uma mensagem para o  e-mail: sandraluz.ojacare@gmail.com que vamos buscar os canais competentes para oferecer a resposta. As perguntas podem ser enviadas até a manhã de quinta-feira. Alertamos que não serão consideradas ofensas aos nossos colaboradores e jornalistas. Ameaças serão devidamente reportadas às autoridades.